H1N1: Principais Informações

Escrito por

O vírus H1N1, também conhecido como “gripe suína” e “Influenza A”, roubou as atenções até mesmo do perigoso Aedes Aegypti, transmissor da dengue, Zika e Chikungunya.

Depois de alguns anos sem ouvir falar dele, o H1N1 voltou a se alastrar.

Portanto é hora de se atualizar sobre a doença. Conheça suas principais características, prevenção e tratamentos a seguir.

Características da Gripe por H1N1

termometroOs sintomas da gripe suína se assemelham com os da gripe comum: tosse, irritação na garganta, espirros, coriza, febre de 38 a 39 graus, dores no corpo e fadiga.

Nos casos mais acentuados há vômito e diarreia, e também a piora de doenças crônicas.

Os casos mais graves podem levar à pneumonia fatal e à falência respiratória.

Procure imediatamente o pronto-socorro se os sintomas incluírem respiração acelerada ou difícil, apatia, dificuldade de ingestão de líquidos, pele azulada, tontura ou confusão mental.

Como se Contrai a Influenza A?

gripeA contaminação pelo H1N1 ocorre da mesma maneira que a da gripe comum: pelo ar, que entra pelo corpo através das vias respiratórias.

Ou seja, uma pessoa que está com Influenza A pode contaminar o ar através do espirro ou tosse.

Também é possível contrair H1N1 levando a mão contaminada à boca ou ao nariz.

O tempo de incubação do vírus é de 3 a 7 dias.

A pessoa doente pode transmitir a gripe suína mesmo antes da manifestação dos sintomas.

É importante notar que não se contrai H1N1 ingerindo carne de porco ou derivados.

H1N1: Como Prevenir

vacinaO primeiro passo é evitar lugares públicos fechados e contato próximo a pessoas contaminadas.

Igualmente importante é sempre lavar bem as mãos. Ande com um frasco pequeno de álcool em gel dentro da bolsa: assim você não dependerá da presença de água corrente para se higienizar.

O vírus pode permanecer vivo até oito horas em ambientes externos ao corpo.

Já existe vacinação contra a vírus. A rede pública aplica gratuitamente em grupos de risco, como idosos e gestantes.

Clínicas particulares de vacinação também aplicam as vacinas, mas são pagas.

Se você está doente por Influenza A, evite frequentar ambientes públicos: não vá à escolas, universidades, escritórios, bancos e outros locais de grande circulação.

Sempre coloque um lenço diante da boca e do nariz na hora de espirrar ou tossir.

Diagnóstico e Tratamento do H1N1

Exames diagnósticos, de sangue, são realizados para confirmar suspeitas graves de contaminação pelo H1N1.

A maior parte dos casos de Influenza A são resolvidos sem necessidade de internação. Deve-se repousar em ambiente arejado e beber muita água.

Um medicamento indicado para os sintomas é o Tamiflu.

O tratamento com o antiviral Oseltamivir deve ser estritamente indicado por um médico, após examinar o paciente.