Seu carro “range”? Pode ser falta de lubrificação.

Escrito por

 

Ao perceber que seu carro está rangendo, muitas pessoas não dão atenção ou esperam que algo mais grave aconteça.

Saiba que qualquer descuido poderá sair bem caro para o seu bolso.

Os mecânicos afirmam que os automóveis também “falam”, ou seja, antes de deixar o motorista a pé, os veículos sempre dão alertas para possíveis problemas técnicos.
Por isso, manter a revisão em dia é fundamental, seja para dar mais segurança ou para que a dirigibilidade seja realizada com mais conforto.

Sinais que indicam que é hora de levar o carro na oficina

Se você notar algum barulho anormal, procure, assim que possível, uma oficina mecânica de confiança.

Problemas na suspensão, na embreagem e no câmbio são comuns e apresentam ruídos desagradáveis também.
Para localizar as causas dos barulhos do veículo, muitas vezes é necessária uma inspeção minuciosa.

Luz do óleo acendendo

o que fazer com a luz do oleo acendendo

Muito cuidado quando acende a luz do óleo.

Um dos sinais é o acendimento da luz do óleo e, quando isso acontecer, tome cuidado.

Ela indica que o motor pode estar prestes a fundir, seja por falta de lubrificação, por entupimento ou por um defeito na bomba de óleo.

A primeira coisa a se fazer é procurar um local seguro e desligar o motor imediatamente. Aguarde alguns minutos e verifique a vareta do nível de óleo.

O motivo do alerta pode ser que está na hora de trocar o fluido ou porque o motor está com vazamento.

Como identificar se um ruido indica problema no cambio

Já com relação a rangidos no câmbio, a grande maioria dos problemas corresponde a vazamentos que não são identificados a tempo e acabam por danificar rolamentos e engrenagens por falta de lubrificação.

Para identificar se um ruído provém do câmbio, você deve, com velocidade acima de 60 km/h, pisar na embreagem.

Se o barulho parar, é muito provável que a falha esteja no conjunto do câmbio ou no diferencial.

Rangido do carro quando passa por lombadas

Em outra situação, se a suspensão range quando o carro passa em lombadas, o problema pode ser nas buchas da barra estabilizadora, nos amortecedores ou nas bieletas.

Para o motor use lubrificantes a base de petróleo

No mercado automotivo existem basicamente dois tipos de lubrificantes: derivados de petróleo e sintéticos. Cada um deles é adequado para fins e condições particulares e estão sujeitos a diferentes níveis de oxidação e degradação.

Para o motor, o óleo utilizado para lubrificar as partes móveis é proveniente do petróleo.

Ele impede que as superfícies de metal tornem-se gastas ou danificadas com o atrito.
O petróleo também impede a corrosão, ajuda a resfriar o motor e trabalha para mantê-lo limpo, absorvendo os subprodutos da combustão, como o óxido de silício.

Como oficinas verificam a causa dos barulhos diferentes no carro

Ao levar seu veículo ao mecânico, ele trabalhará para encontrar a causa que está levando o carro a “ranger”.

Nesses casos, o principal dever do profissional será mudar o óleo e outros fluidos, bem como realizar a lubrificação de todos os rolamentos.

Ele também pode verificar vazamentos nas mangueiras e linhas, além de outras tarefas básicas, dependendo das necessidades no momento do serviço prestado.

carro-luxo

Os barulhos mais comuns estão ligados a problemas na suspensão (dianteira ou traseira), câmbio, escapamento, motor, rodas, portas e ainda aos capôs (dianteiro e traseiro).

Sempre respeite rigorosamente os prazos de troca, assim como faça as devidas revisões.
Quando se está com a manutenção em dia, tudo fica mais fácil e os reparos não vão acarretar em grandes prejuízos.

Para terminar, não se esqueça de que a lubrificação é algo vital para seu carro, sendo que o óleo funciona como se fosse o sangue do motor, por isso, ele precisa estar limpo e dentro do prazo de validade, sempre.

Autoria: Texto elaborado pela equipe da Lubmix