Como Construir Lagos de Jardim

Escrito por

Um jardim já é um grande encanto em si. Mas, havendo espaço, ele pode ficar ainda mais atraente com um espelho d´água. Ele valoriza o ambiente e produz mais umidade, necessária em climas quentes e áridos. O custo da conta de água não será exorbitante se partirmos para um projeto de pequeno porte, com materiais e equipamentos que reciclem a água. Veja a seguir como planejar lagos de jardim.

O lago pode ser colocado no planejamento de implantação do jardim. E mesmo depois em jardins já formados, pois seu tamanho estará dentro do espaço não usado para circulação.

Espelhos líquidos, águas em movimento, esguichos, cascatas – tudo faz parte deste tipo de projeto. Ambientes empresariais ou mesmo particulares poderão usufruir. A água em movimento e com peixes induz à meditação, relaxamento.

Podemos separar os lagos em tipos, conforme o tipo e material: lagos formais, têm forma definida geométrica, com materiais cerâmicos de acabamento. Já os informais não têm um padrão definido, podendo ser construídos de maneira mais simples, inclusive em nível caseiro, com improvisações.

Local para Lagos de Jardins

Para construir um laguinho no jardim, vamos planejar onde colocá-lo. Às vezes, apesar de muito desejar um ponto específico, nem sempre será possível. O terreno deverá ser plano, longe de ondulações, barrancos, zonas baixas e alagadiças e sem terrenos pedregosos.

laguinhoDevemos considerar o tipo de solo do local. Será preciso compactar a terra antes da confecção do lago e alguns solos não possuem estrutura para isto.

Locais que foram antigos aterros também não poderão ser utilizados. Poderá haver ainda emanações de gases que poderão afetar a estrutura, havendo ainda recalque do entulho. Locais mais baixos e alagadiços também devem ser evitados.

Evite instalar o lago debaixo de árvores ou de calhas do telhado. Colocar o laguinho sob árvores levará o proprietário a fazer limpeza constante.
Se as árvores do jardim são do tipo caducifólias, esqueça a confecção do laguinho. De o desejo for muito grande compre daqueles portáteis para interiores.

As folhas que caem no outono encherão a superfície da água, podendo entupir a bomba se o filtro não for eficientemente protegido. A decomposição destas folhas dentro da água causam acúmulo de matéria orgânica, que poderão matar os peixes.

Locais a Serem Evitados para a Construção de Lagos de Jardim

Outro problema quanto às árvores: algumas necessitam de muita água e suas raízes explorarão o solo em busca dela. Isso pode danificar o sistema de construção do lago.
Então, a idéia é construir o lago onde não haja proximidade de árvores ou arbustos de raízes mais agressivas.

Calhas de telhado dirigidas com caída que atinjam o lago também são grande problema. Principalmente em zonas urbanas, onde a água da chuva carreia grande poluição, como chuva ácida, coliformes fecais oriundos das fezes dos pássaros, etc.

E também porque numa chuvarada o lago poderá transbordar. Vai colocar para fora a vegetação em suspenso e semi-submersa, peixes e tartarugas. Vai obrigar o proprietário a um resgate de emergência.

Decidindo a Profundidade do Lago

Pequenos lagos podem ser mais rasos. Devemos levar em conta crianças, animais domésticos e pessoas com deficiência física circulando no local.

Será interessante também observar que mais de um nível de altura de água no lago propiciam várias plantas para a ornamentação, que têm manejos de cultivo diferentes. Isto diminui a carga pontual que poderá afetar a estrutura do solo, causando recalques indesejáveis e que ocorrem muito por problemas inerentes ao solo do local.

A maioria dos laguinhos domésticos tem uma profundidade em torno de 0,40 a 0,80 m. Pode parecer muito, mas será preciso esconder a bomba submersa e mesmo com plantas poderá ficar à vista se o lago for pouco profundo.

Quando colocamos peixes num laguinho, estes mudam de níveis de permanência devido ao calor da água e ao sombreamento, pois são animais de sangue frio e procuram ou fogem do calor conforme a hora do dia e as estações.

A Qualidade da Água para o Lago do Jardim

lago jardimA qualidade da água do lago deve ser monitorada frequentemente, principalmente se houver peixes.

O pH deverá ser medido por aparelhos próprios para isto e também o nível de carbonatos que tornam a água “dura” e a quantidade de compostos nitrogenados, oriundos das fezes dos peixes, principalmente.
A existência de nível elevado de carbonatos elevará o nível do pH, afetando a saúde dos animais.

Se a filtragem da água não é eficiente, haverá compostos nitrogenados em quantidade havendo então a necessidade de trocar ou mudar parcialmente a água do lago.

É necessária a colocação de um biofiltroNas lojas de aquarismo há bombas, filtros e medidores de pH, e toda uma sorte de informações específicas para quem vai montar este tipo de lago ou aquaterrário.

Planeje o tamanho do lago, determine sua profundidade e o que irá colocar, se peixes ou somente plantas. Vá fazer uma visita para a loja de equipamentos para laguinhos, ajudarão você a determinar o tamanho da bomba, filtro e tudo o mais para que possa ter este ornamento no seu jardim sem muitas dores de cabeça.

Limpeza dos Lagos de Jardim

Na montagem de um laguinho, a colocação de um filtro é necessário para que a água tenha boa qualidade e isto nos leva à parte de limpeza.

O acesso à caixa de limpeza do filtro deve ser de fácil acesso para que possa limpá-lo com tranquilidade.

Fica na parte externa do lago e você poderá esconder a caixa com plantas. Na montagem do lago esteja atento a este fator que poderá ser determinante do sucesso ou não do seu empreendimento.

Água com resíduo, cheia de folhas apodrecendo, peixes mortos não é uma visão saudável que o induza à meditação, com certeza.

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: Wonderlane, Dougtone, Sayjack