Engenharia de Produção: Aproveite essa Carreira Promissora

Escrito por

A engenharia de produção é uma modalidade que se destaca pela possibilidade de construir um plano de carreira sólido, com crescimento e ascensão em grandes empresas brasileiras e internacionais.

Os profissionais desse segmento encontram boas ofertas de emprego tanto no setor privado quanto no público, em áreas que perpassam praticamente todas as atividades da sociedade.

Por esse mesmo motivo, não faltam opções de trabalhos e cargos variados para as pessoas que escolhem essa área de formação.

Saiba mais a seguir.

Funções e Perfil do Engenheiro de Produção

engenheiro de produçaoSua função básica é o planejamento, a criação de projetos e a gerência de sistemas organizacionais.

Ou seja, os profissionais dessa área são responsáveis pela estruturação de diferentes setores de empresas e organizações, gerindo áreas de recursos humanos, materiais, tecnologia, financeiro e até mesmo ambiental.

O perfil do profissional deve conciliar áreas técnicas da engenharia e o estudo da área de exatas, como cálculo, o domínio de tecnologias e o raciocínio lógico.

Além disso, é preciso que ele também saiba circular entre as diferentes áreas e tenha uma aptidão para a administração, tanto dos processos quanto de recursos humanos.

Os recém formados nesse curso trabalham na indústria com qualidade, processos de fabricação ou PCP (Planejamento e Controle de Produção).

Muitas empresas contratam esse profissional para as áreas de finanças e pesquisa. Além dessas áreas de atuação, também existem profissionais que abrem o próprio negócio e desenvolvem startups durante a faculdade.

Áreas da Engenharia de Produção

A formação do engenheiro de produção inclui a capacitação em diferentes áreas do conhecimento. Ou seja, ele entra em contanto com um aparato teórico que permite que ele consiga transitar muito bem entre vários tipos de conhecimento.

Isso faz com que esse profissional consiga estabelecer um elo entre os setores técnicos e administrativos de uma empresa ou organização.

Essa gerência é fundamental para garantir toda uma cadeia produtiva eficiente, que torne as atividades mais eficazes e resultados mais vantajosos.

Cada especialização se destina a diferentes campos, como a economia empresarial ou a gerência de recursos humanos, definindo escalas de trabalho e funções.

Na indústria, por exemplo, os conhecimentos e ações voltados para gestão permitem integrar de maneira estratégica a mão de obra, o maquinário, a tecnologia e a matéria-prima.

Principais Setores da Engenharia de Produção

engenheiro de producao 2O seu campo de atuação se firma entre os diferentes campos da engenharia, supervisionando o esquema de produção de todos eles.

Por esse mesmo motivo, a engenharia de produção é uma das carreiras mais concorridas e mais bem remuneradas.

Os campos de trabalho também exigem a capacidade de lidar com pessoas e gerenciar uma equipe de profissionais.

Por isso, o perfil exigido para quem deseja ingressar nesse campo é justamente alguém que possua aptidão para as ciências exatas, mas a capacidade de gerenciar diferentes campos da produção e ser a ponte entre eles.

Engenharia de Produção: Formação Acadêmica

A graduação em Engenharia de Produção costuma durar cinco anos e é uma das faculdades mais concorridas do país.

Todos os anos, são formados mais de 6 mil engenheiros, o que também desperta para a grande concorrência e a necessidade de investir em um ensino de qualidade e especializações.

No entanto, na hora do profissional formado começar a buscar emprego, idiomas contam muito nos processos de seleção.

Além disso, é indicado o domínio nas seguintes ferramentas: Microsoft Excel, Softwares de Gestão de Projetos, Minitab e Six Sigma.

Um dos mais exigidos na hora de executar, modificar e otimizar projetos é o AutoCAD – sem esquecer de cursos como Empreendedorismo e Liderança para turbinar o currículo.