Queimadura de Sol: Primeiros Sinais

Escrito por

 

Queimaduras solares não são prontamente identificáveis quando começam a acontecer.

Na verdade, elas demoram algumas horas para aparecer; e seu efeito total pode demorar até um dia para se manifestar.

Por isso é de fundamental importância a prevenção através do uso de filtro solar, barraca de praia, chapéus, bonés e até mesmo roupas anti UVA/UVB.

Saiba a seguir como identificar uma queimadura solar, o que fazer em casos graves e como evitá-la.

Sinais de Queimadura Solar

queimadura solar bolhas

Bolhas indicam queimadura solar de segundo grau

  • A pele fica avermelhada
  • A pele parece mais quente e macia ao toque
  • A pessoa sente ardência na área atingida, especialmente entre 6 horas e dois dias após a exposição ao sol
  • Surgimento de bolhas e descamação da pele após alguns dias
  • Calafrios, febre, erupções cutâneas, tonteiras e náuseas (esse conjunto de fatores também é denominado “alergia solar”)

Embora as manifestações de queimadura solar desapareçam em alguns dias, a pele sofreu dano permanente, que vai se acumulando silenciosamente ao longo da vida.

Uma das consequências é o envelhecimento precoce da derme; outra, mais extrema, é a formação do câncer de pele.

O Que Fazer em Caso de Queimaduras Solares

Tome banho frio e coloque um pano úmido geladinho sobre a área queimada.

Não use loções à base de vaselina (ou outros derivados de petróleo), lidocaína ou benzocaína: procure nas farmácias géis específicos para a pele do pós-praia.

Analgésicos de ibuprofeno ajudam a aliviar o desconforto gerado pela queimadura. No entanto, fuja da aspirina (ácido acetil salicílico).

Beba muita água gelada.

Queimaduras Solares: Quando Procurar um Médico

queimadura solarQueimaduras de sol podem ser mais ou menos comuns e, a pesar da ardência e aparência avermelhada, normalmente não levam ao hospital.

No entanto alguns sintomas podem significar que é hora de dar entrada no pronto-socorro.

Se sua respiração ou seu pulso está acelerado, está sentindo tonteiras ou impressão de desmaio, procure ajuda médica imediatamente.

Pele fria, úmida, pálida; olhos fundos; sede extrema e falta de urinação também constituem sinais de alerta: procure a emergência.

Bolhas dolorosas também não devem ser tratadas em casa. Providencie cuidados junto a um especialista.

Pessoas Mais Sujeitas a Queimaduras de Sol

criancas na praiaEmbora todo mundo seja sujeito a sofrer queimaduras solares, existem indivíduos que estão mais propícios que outros.

Indivíduos de pele negra, por exemplo, são mais resistentes que os de pele bem branca.

Fique atento aos amigos turistas de pele clara: eles podem não saber exatamente o que fazer para se proteger do sol.

Crianças, especialmente os bebês, possuem a pele mais fina e devem dispor de toda a proteção possível.

Condições de Risco para Queimaduras Solares

Não basta evitar o sol entre as 10 e 16 horas: existem vários outros fatores que elevam o perigo de queimaduras causadas por ele.

Se você está em localidades de grande altitude, como em montanhas, redobre a atenção.

Em cidades de baixa latitude – ou seja, mais perto dos trópicos – os raios ultravioletas também incidem com mais força.

Num dia ensolarado, a água, a neve ou a areia refletem os raios solares, intensificando-os.

Medicamentos como o antibiótico doxiciclina tornam o organismo mais sujeito a sofrer queimaduras de sol.

Lâmpadas de câmaras bronzeadoras oferecem os mesmos riscos que o sol.

Prevenindo Queimaduras de Sol

filtro solarOs dois grandes antídoto contra queimaduras solares são o protetor e o bloqueador solar com fator de proteção a partir de 30 – de preferência à prova d´água.

Apesar dos rótulos da maior parte dos produtos recomendar reaplicação a cada duas horas, fique atento: muito tempo dentro d´água ou suor excessivo podem exigir que esse tempo encurte para intervalos de uma hora.

Ele deve ser aplicado generosamente, com a pele seca, antes da exposição ao sol. Não se esqueça das orelhas, do nariz e dos ombros.

Atualmente, no entanto, já é possível contar com roupas que protegem do sol. Junto com os tradicionais chapéu (ou boné, ou viseira) e óculos, a proteção aumenta muito.

Procure relaxar na sombra, seja de árvores ou barracas de praia.