Cuidados com a Pele Durante a Gravidez

Original: https://www.fazfacil.com.br/saude/cuidados-pele-durante-gravidez/ Escrito por

Toda gestante precisa cuidar bem da sua pele nesta fase: dentro do corpo muitas substâncias estão agindo, e isso reflete na sua aparência.

Na gravidez ocorre um aumento da progesterona (hormônio produzido pela placenta) que pode levar ao aumento das pintas, manchas escuras no rosto (melasmas), manchas vermelhas e acne.

A progesterona é o hormônio responsável pela distribuição de todos os nutrientes para o feto até o nascimento, aumento das mamas que se preparam para a produção de leite e inibe as contrações uterinas.

Mas ela não é a única responsável por essas mudanças na pele. Conheça a seguir outros fatores e saiba como se cuidar.

Ação da Progesterona na Pele

A progesterona é um hormônio produzido inicialmente pela vesícula vitelina e posteriormente pela placenta. É responsável pela manutenção da gestação, relaxando a musculatura uterina.

Na deficiência da produção de progesterona, você pode começar a apresentar contrações e consequentemente levar ao nascimento antecipado do feto.

gravidez-florVocê terá alguns benefícios com o aumento da progesterona: seus cabelos se tornam mais bonitos e volumosos  e preparação das glândulas mamárias para posterior produção do leite e manutenção da gestação.

Mas a progesterona também é uma vilã para o seu organismo, podendo levar ao desenvolvimento de alterações de pele indesejadas por todas as gestantes: acne, manchas escurecidas ou avermelhadas, estrias, celulites, varizes e microvarizes.

Ocorre um aumento da oleosidade, facilitando a formação de acnes e manchas no rosto vermelhas ou escuras. A acne pode ter diferentes graus de desenvolvimento, dependendo do seu tipo de pele.

As manchas ocorrem principalmente na região central da face, bochechas, lábio superior, testa, nariz e queixo, pois a progesterona facilita a penetração dos raios ultra-violetas na sua pele; aparecem mais no segundo trimestre da gestação e em 50 a 70 % das mulheres.

O escurecimento da pele ocorre nas regiões de mamilo, aréola mamária, linha média do abdome, axilas, períneo e coxas. Também ocorre escurecimento de pintas e cicatrizes já existentes.

As estrias se formam devido ao estiramento e distensão da pele e são mais comuns nas regiões de quadril, mamas, abdome e lombar.

Você também pode apresentar prurido nas mãos e nos pés. Varizes, microvarizes, edema ou inchaço de membros inferiores (pernas e pés).

Como Controlar os Efeitos da Progesterona na Pele

gravida-jardimLave o rosto com sabonete neutro para ajudar a diminuir a oleosidade, evitando a formação das acnes. Use filtro solar diariamente, com fator de proteção solar pelo menos 30.

Use hidratantes à base de ureia, óleo de amêndoa doce e óleo de uva, principalmente nas regiões do abdome, quadril e mamas, ajudando a evitar as estrias.

Procure um dermatologista. Não é recomendado o uso de ácido retinóico ou ácido glicólico, pois existem controvérsias quanto ao uso durante a gestação.

Você pode usar o ácido azeláico, com orientação médica, que melhora manchas e a acne, não tendo contra-indicação na gestação.

Nos primeiros três meses de gestação evite o uso de tinturas e alisamentos. Após esse período, você pode usar henna e tonalizantes.

Gestação: Cuidados com a Alimentação

gravidez-alimentacao

Você precisa consumir alimentos à base de carotenoides. Estes alimentos são antioxidantes naturais e ajudam a manter sua pele mais saudável e bonita.

Exemplo: cenoura, beterraba, melancia, tomate, mamão papaya.

Evitando Estrias na Gravidez

Você precisa hidratar bem a sua pele e controlar bem o seu aumento de peso para evitar as indesejadas estrias, que deixam cicatrizes na pele e são de difícil tratamento.

A recomendação que você deve seguir, de acordo com os dermatologistas, é abusar bastante dos cremes hidratantes e óleos, usando pelo menos duas vezes ao dia.

O tratamento para amenizar as estrias pode ser iniciado durante a gestação e tem melhores resultados enquanto as estrias estiverem vermelhas e deve ser iniciado o quanto antes.

Edema e Varizes na Gestação

O edema ocorre por uma dificuldade na circulação sanguínea, ocasionada pelo aumento do volume uterino e aumento do seu peso corporal. Ocorre mais no final da gestação.

Em primeiro lugar, você deve ter o aconselhamento do seu médico do pré-natal. O edema pode ser evitado através de massagens e drenagem linfática, que devem ser feitas por um profissional bem qualificado e especializado em gestantes.

As varizes aparecem pela sobrecarga na circulação sanguínea. Você precisa ser avaliada por um médico vascular, que vai verificar o melhor tratamento a seguir.
Geralmente, indicando o uso de meias de alta compressão de acordo com cada gestante.

Gravidez e a Pele Negra

gravidez-mulher-negraVocê que possui pele negra: sua pele possui maior quantidade de melanina, que é o pigmento natural.

Sua pele sofre menor ação dos raios ultra-violetas. É uma pele um pouco mais ressecada, sofrendo um aumento maior da oleosidade e maior formação de acnes.

Com a maior quantidade de melanina presente na sua pele, ocorre formação de manchas com maior facilidade.
A cicatrização pode levar à formação de quelóide (cicatriz mais elevada), pois a pele apresenta maior atividade dos fibroblastos (células responsáveis pela cicatrização).

Sua Pele Após o Parto

Logo após o nascimento do seu lindo bebê, a progesterona começa a diminuir e as alterações ocorridas durante a gestação começam a regredir.

Por volta de 03 meses pós-parto, seus cabelos começam a cair, ocorrendo uma perda ao redor de 40 % e normalizando em quase todas as mulheres após 01 ano.
Se você apresentar uma predisposição genética para a calvície, a queda de cabelos não se normaliza, sendo necessária a orientação do dermatologista.

As manchas da pele geralmente regridem, mas dificilmente desaparecem sem tratamento, assim como as estrias, celulite e varizes. As estrias podem ser tratadas com o uso de ácido retinóico, com orientação do dermatologista.

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: raphaelstrada