TIPOS de COLAS… o que ESCOLHER, como fazer?

Escrito por

– COLAS MULTIUSO:

Os vários adesivos vendidos em tubos como cola multiuso são colas de secagem rápida e de baixa resistência.
Eles são recomendados para o uso em madeira, cerâmica, vidro, papel e alguns plásticos.

Algumas colas multiuso permanecem flexíveis depois de secas e podem ser usadas em tecidos, couro e vinil.

Normalmente não é necessário usar grampos; o tempo de secagem é de 10 a 20 minutos, o tempo de cura é de até 24 horas.

– COLA QUENTE OU HOT MELT:

Cola quente são vendidas em bastões ou granuladas e usadas com uma pistola.
A pistola para cola quente aquece a cola acima de 93 graus C. Para uma colagem melhor, as superfícies a serem coladas devem também ser pré-aquecidas.

Como as colas quentes são apenas moderadamente fortes e as peças coladas podem se separar se expostas a altas temperaturas, esse tipo de cola é recomendado para colagem temporária de madeira, metal, papel e alguns plásticos e materiais compostos.

Não é necessário usar grampos para utilizar cola a quente ; o tempo de secagem parcial da cola quente varia entre 10 a 45 segundos e o tempo de cura total é de 24 horas.

– COLAS PARA VIDRO E CERAMICA:

A maioria das colas multiuso cola vidro e cerâmica, mas as versões especializadas freqüentemente colam esses materiais com mais firmeza.

– COLAS PARA PORCELANA E VIDRO:

H á muitas colas para porcelana e vidro. Essas colas normalmente vêm em tubos.

As colas à base de látex acrílico têm boa resistência à água e ao calor.
Normalmente é necessário usar grampos.

– COLAS DE BORRACHA DE SILICONE :

Recomenda-se somente o uso de colas de silicone feitas especificamente para vidro e porcelana.
Elas produzem colagens muito fortes, com excelente resistência à água e temperaturas extremas.

Normalmente é necessário usar grampos

fonte: Pizzani Suprimentos

COLAS DE MADEIRA:

São colas especificamente feitas para consertos em madeira.
Aqui estão as principais opções:

 

– COLA AMARELA (resina alifática ou cola de marceneiro):

A cola de resina alifática é um líquido amarelo, normalmente vendida em garrafas plásticas e freqüentemente chamada de cola de marceneiro.
A cola amarela é muito semelhante à cola branca, mas forma uma liga ligeiramente mais forte. Também é mais resistente à água do que a cola branca.

É necessário usar grampos por cerca de 30 minutos até que a cola seque; o tempo de cura é de 12 a 18 horas.
A cola amarela é clara quando seca, mas não aceita corantes de madeira.

COLAS DE RESINA PLASTICA (uréia-formaldeído):
Recomendada para camadas de laminados de madeira e para colar juntas estruturais é resistente à água, mas não à prova da água e não é recomendada para uso em móveis fora da casa.

Essa cola é resistente a solvente para tintas e vernizes.
É necessário usar grampos por até 8 horas; o tempo de cura é de 18 a 24 horas.

COLAS DE RESORCINOL:
Essa cola é à prova da água e forma ligas fortes e duráveis.

É recomendada para uso em mobílias exteriores, balcões de cozinha, colagem estrutural, barcos e artigos para esporte.
Pode também ser usada em concreto, cortiça, tecidos, couro e alguns plásticos.

As colas de resorcinol tem excelente resistência às temperaturas extremas, produtos químicos e fungo.
É necessário usar grampos; o tempo de cura é de 8 a 24 horas, dependendo da umidade e temperatura.

COLAS PLASTICAS:

Os plásticos apresentam um problema especial com algumas colas porque os solventes contidos nelas podem dissolver o plástico.
Aqui estão alguns tipos populares de colas plásticas.

– COLAS PARA AEROMODELO:

Normalmente vendidas em tubos como colas de modelista, a cola para modelo tem uma colagem forte em acrílicos e poliestirenos e pode ser usada na maioria dos plásticos, exceto em espuma de plástico.

Normalmente é necessário usar grampos até a cola secar (cerca de 10 min); o tempo de cura é de aproximadamente 24 horas.
A cola para modelo fica clara quando seca.

– COLAS DE VINIL :

Vendidas em tubos, elas têm uma colagem forte à prova da água em vinil e em muitos plásticos, mas não devem ser usadas em espuma de plástico.
Normalmente não é necessário usar grampos. As colas de vinil permanece clara e flexível;
O tempo de cura é de 10 a 20 min.

– SOLVENTE ACRÍLICO:

Solventes não são bem uma cola; eles agem derretendo as superfícies a serem coladas, fundindo-as na junção.
São recomendados para uso em acrílicos e policarbonatos.

É necessário usar grampos; as superfícies a serem coladas são fixadas juntas, com grampos ou fitas e o solvente é injetado na junta com em uma seringa.
O tempo de secagem é de aproximadamente 5 min.