Como Usar Telhas Metálicas na Fachada e Paredes da Casa

Escrito por

As telhas metálicas desceram do telhado para invadir fachadas de casas e até mesmo paredes internas. O visual é bem moderno e ao mesmo tempo uniforme. Entenda melhor essa proposta e confira alguns projetos a seguir.

Nem só de telhado vive a telha metálica. Resistentes, podem ser encontradas até mesmo em cores diversas, contando como o fator surpresa da decoração.

Veja a seguir quais os tipos de telhas metálicas o mercado oferece e qual é mais indicada para o projeto da sua casa.

Tipos de Telhas Metálicas

varanda telha metalizada

Varanda de telhas metalizadas colocadas na horizontal

Existem telhas metálicas de diferentes tipos.

A de aço galvanizado possui ondulações bastante resistentes a amassados. Além disso, dificilmente oxida. A de galvalume é a mais barata das opções – mas ainda assim se comporta bem mesmo sob ação de maresia.

O alumínio reflete a luz solar, ajudando a regular a temperatura interna. É ideal para regiões mais quentes. E finalmente o aço inox, que exige quase nenhuma manutenção e alto valor estético, é a mais cara de todas.

Proteção e Cores das Telhas Metalizadas

Afinal, depois de moldadas, as lâminas de aço ganham uma camada de zinco por meio do processo de galvanização (imersão à quente). Assim, mesmo que ocorram riscos ou furos, a oxidação praticamente não encontra chance de se instalar.

O galvalume, por sua vez, conta com revestimento de alumínio e silicone.

Para colorir as telhas, os fabricantes lançam mão de pistolas de tinta, realizando pintura eletrostática. Isso distribui o pigmento com mais uniformidade. Em seguida, secam numa estufa a 200 °C. Ambas as ações aumentam a proteção e resistência das peças.

A manutenção da sua fachada ou paredes de telhas metalizadas é simples. Basta verificar se há eventuais limalhas na hora da instalação. Elas podem iniciar um processo de oxidação do material. Além disso, basta fazer a limpeza anual, a exemplo de calhas e rufos.

Especificações das Telhas Metalizadas

casa telha metalizadaPara utilização como fachada e parede,  você deverá procurar por telhas onduladas (NBR 14 513) e as telhas trapezoidais (NBR 14 514 ).

É importante ficar de olho nas espessuras. As de 43 ou 50 mm, mais fáceis de encontrar, são indicadas para telhados e fechamentos de locais de pequeno porte. Podem ser boas para revestir uma parede interna ou serem usadas como painéis.

Já as autoportantes, com 80 mm ou mais, não necessitam de estrutura para ficarem em pé. São encontradas em galpões, ginásios e fachadas de casas. São, enfim, para uso em projetos de grande porte.

Fachadas e Paredes com Telhas Metalizadas: Mais Silêncio

parede amarela telha metálicaAs telhas metalizadas podem ser básicas ou termoacústicas. Estas são denominadas “sanduíche”, pois possuem uma camada interna de material que isola ruídos externos.

Para isso, pode ser empregada a lã mineral, que é mais leve e flexível, se encaixando perfeitamente bem entre as lâminas. Além disso, são mais baratas.

Isolantes à base de poliestireno – recheio de isopor – também funciona como ótimo isolante acústico, particularmente em locais sem forro. Também bloqueia a entrada de calor, mantendo o equilíbrio térmico do interior.

Por fim, telhas metalizadas acústicas com recheio de poliuretano é a campeão do isolamento termoacústico, gerando melhores resultados. Também evita a proliferação do fogo, em caso de incêndio. É, portanto, o mais caro.