Porcelanato: Use em Todos os Cômodos

Escrito por

Criado nos anos 70 e chegando hoje ao auge de sua popularidade, o porcelanato é um revestimento de alta tecnologia feito a partir da cerâmica. Por ser minimamente poroso, possui baixíssima absorção de água. Além disso, sua enorme variedade de texturas e acabamentos permite que seja utilizado em praticamente qualquer espaço da casa – interno ou externo, em pisos ou paredes.

Existem inúmeros fabricantes e fornecedores de porcelanato no país. A diversidade de modelos e preços é bastante grande, popularizando ainda mais esse tipo de revestimento.

Características Básicas do Porcelanato

porcelanato madeira

Porcelanato em modelo madeira

Uma placa de porcelanato mede a partir de 45 x 45 cm e pode chegar a formatos bem maiores; sua espessura média é de 10 mm – no entanto é possível encontrar placas ainda mais finas.

Esses formatos especiais – placas grandes ou mais finas, tendência no mundo da arquitetura e decoração – devem ser manuseadas e entregues por mão-de-obra verdadeiramente especializada.

Além disso, é importante estar atento à classificação PEI das peças em que você está de olho.

O PEI indica a resistência da camada de esmalte do porcelanato em relação ao movimento de indivíduos, objetos e veículos, podendo ir de 0 a 5. Veja abaixo o PEI ideal para cada lugar:

  • PEI 0: porcelanato para paredes;
  • PEI 1: porcelanato para banheiros residenciais e quartos de dormir (baixo tráfego);
  • PEI 2: porcelanato para cômodos sem portas para o exterior/ banheiros (médio tráfego);
  • PEI 3: porcelanato para halls, corredores, cozinhas, sacadas e quintais residenciais (médio/ alto tráfego);
  • PEI 4: porcelanato para residências, garagens, estabelecimentos comerciais, restaurantes, hospitais, etc (alto tráfego);
  • PEI 5: porcelanato para residências, aeroportos, shoppings (altíssimo tráfego).

Instalação das Placas de Porcelanato

O porcelanato é instalado com a ajuda de rejuntes especiais e argamassa.

Sua aplicação exige profissionais experientes, que vão assegurar um acabamento uniforme sem quebrar ou danificar as peças.

Os acabamentos são decisivos para o efeito final, e podem ser de dois tipos:

  • Acabamento retificado, quando as bordas da placa de porcelanato é perfeitamente reta, reduzindo a marca do rejunte;
  • Acabamento bold, com bordas ligeiramente arredondadas que aumentam a distância entre as placas. Este acabamento está caindo em desuso, pois o espaço maior do rejunte acaba acumulando sujeira e manchas.

Porcelanato: Texturas e Uso Decorativo

Você pode encontrar uma imensa variedade de texturas, cores e modelos de porcelanato, inclusive imitações muito boas de mármore, couro, madeira, fibras, tecido, cimento, pedras, entre outras.

Suas superfícies podem ser foscas, polidas, acetinadas ou reluzentes.

Para as paredes você pode encontrar modelos exclusivos com diferentes texturas e estampas que combinam com o procelanato do chão, atribuindo ainda mais possibilidades para o resultado final da decoração.

Muitos projetos arquitetônicos e de decoração preveem a colocação de porcelanato por todo o ambiente, de modo que exista uma uniformidade visual. Veja agora como os diferentes cômodos entram neles:

Sala

sala

Existe um enorme número de modelos e texturas para a sala – depende unicamente do estilo do morador.

Placas maiores dão mais uniformidade ao visual. Aqui, exija porcelanato do tipo retificado – é mais sofisticado.

Aposte também em placas que permitam efeitos gráficos – é muito charmoso e original.

Quarto

Talvez o lugar onde permita maior liberdade: placas padrão, grandes, acabamento retificado, bold, texturas diversas… aproveite!

Se quiser tornar o ambiente mais aconchegante, lance mão de tapetes na decoração.

Cozinha

O porcelanato é um grande aliado das cozinhas e podem ser aplicados do chão às paredes: não absorvem gordura, sendo simples de limpar.

Prefira acabamentos menos uniformes, para disfarçar possíveis sujeirinhas do meio do dia.

Banheiro

banheiro

Porcelanato com textura de mármore foi utilizado no piso e paredes do banheiro

Prefira o material com acabamento acetinado: eles são mais porosos e consequentemente menos escorregadios.

Peças menores são mais indicadas, pois assentam melhor no piso, evitando muitos recortes.

Novamente, o acabamento retificado é melhor, pois evita o acúmulo de limo entre as placas.

Ambientes Externos

O Porcelanato não é o revestimento mais recomendado para áreas externas, já que são lisos demais e a aplicação de camada antiderrapante é contra-indicada.

A grande sugestão é o porcelanato com acabamento mais natural, não muito liso e tons mais rústicos, pouco uniformes.

Assim como na cozinha, esses modelos disfarçam a poeira.

Manutenção: Como Limpar seus Revestimentos de Porcelanato

quartoUse um pano umedecido com álcool para remover a película de proteção das placas quando chegam do fabricante.

Limpe a superfície diariamente com uma solução feita a partir de uma colher de sopa de sabão de coco líquido ou detergente neutro com cinco litros de água.

Se for necessária limpeza mais pesada, procure por produtos específicos para o tipo de porcelanato que você tem. O mercado oferece vários.

Use sempre pano de chão ou vassoura de pelos macios.

Evite produtos abrasivos como ceras, tira-ferrugem, limpa alumínio ou limpa pedras.