Água Quente: Planejamento da Instalação Hidráulica

Original: https://www.fazfacil.com.br/reforma-construcao/instalacao-agua-quente/ Escrito por

O fornecimento de água quente precisa estar previsto no plano de instalação hidráulica de casas, edifícios residenciais e até mesmo comerciais. Saiba a seguir o que levar em conta quando for instalar a água quente, além dos diferentes tipos de canos que o mercado oferece.

Instalação Água Quente: Planejamento

Quando se pensa em uma instalação de água quente deve se levar em consideração alguns aspectos.

  • Garantir o fornecimento contínuo, em quantidade e qualidade suficientes
  • Preservar a qualidade da água conduzida
  • Fornecer o conforto adequado aos usuários da instalação
  • Visar o melhor uso da água quente, levando em consideração o consumo de energia

Para isso devemos adotar a tubulação correta tendo em vista o objetivo final de se utilizar aquele sistema de aquecimento.

Devemos considerar a durabilidade da instalação, temperatura máxima de utilização, facilidade na execução da instalação e preço dos tubos e conexões.

Vantagens e Desvantagens de Algumas Tubulações de Água

Qual o melhor tipo de tubulação para se fazer uma instalação de água quente? O sistema predial de água quente é constituído por alguns componentes importantes.

A tubulação de água fria deverá alimentar o sistema de água quente. As fontes de aquecimento da água podem ser aquecedores de passagem ou de acumulação (elétricos ou a gás). Ou aquecedor solar.

Quanto aos dispositivos de segurança, elas podem ser juntas de expansão ou termostato.

As melhores tubulações para condução de água quente são as de cobre FG (ferro galvanizado), CPVC (policloreto de vinila clorado), PPR (polipropileno copolímero random) ou Pex (polietileno reticulado).

As peças de utilização para os pontos de consumo são chuveiros, torneiras e duchas.

Tubulações de (PPR) Polipropileno Copolímero Random

canos pprOs tubos e conexões em PPR operam com temperatura média de até 80°C e são projetados com média de vida útil de 50 anos. Eles apresentam enorme praticidade de instalação e são isentos de roscas , anéis de borracha ou adesivo plástico .

Sua conexão é feita pelo processo de termofusão ,onde o tubo e a conexão são aquecidas e se fundem tornando-se uma tubulação contínua , essa união é feita através do termofusor , a uma temperatura aproximada de 260°C .

Vantagens: são feitas de material atóxico, livre de corrosão. Suportam picos de temperatura e são isentas de incrustrações. Desvantagens: requerem uso de mão de obra especializada. Exige equipamento de instalação apropriado, o processo de instalação é mais longo.

O PPR pode ser utilizado em instalações residenciais e prediais. Como edifícios e imóveis residenciais e comerciais que necessitam de alta durabilidade e o mínimo de manutenção.
Lembrando que cada parada para manutenção da rede gera um enorme transtorno para os usuários.

Se a instalação de água quente for bem executada, obedecendo a todas as normas de instalação, o PPR torna-se um dos melhores tipos de tubulação para se usar em uma instalação de água quente.

Poderão substituir a instalação de tubulações de cobre ,ainda com benefícios financeiros. O cobre é em média 20% mais caro que o PPR.

Tubos de Cobre para Água Quente

canos de cobreAs instalações de tubos de cobre são feitas por processo de soldagem ou rosqueamento. Podem conduzir água fria, água quente ou gás. É um dos materiais mais duráveis. Resistem bem a altas pressões e a corrosão.

Vantagens: Excelente perspectiva de vida útil. Suporta bem altas temperaturas, inclusive superiores a 100°C. Excelente resistência mecânica à pressão e à corrosão;

Desvantagens: Em alguns casos requer isolamento térmico. Tem custo muito elevado. Exige mão de obra especializada; sofre a ação da corrosão.

O cobre é um excelente material. Uma tubulação de cobre tem as mesmas características de resistência mecânica, durabilidade e acabamento.

Porém atualmente há no mercado outras opções mais econômicas e menos complexas para se executar uma instalação de água quente.

Uma instalação de água quente, na maioria dos casos, não requer uma alta resistência mecânica (resistência do material). As pressões desta instalação geralmente são baixas exigindo pouco das tubulações.

Por isso podemos optar por outros materiais como o CPVC e o PPR. A cada dia que passa eles caem no gosto de mais instaladores hidráulicos.

Mas se você precisar expor uma instalação de água quente a altas temperaturas e pressões elevadas, sem dúvida o cobre é o tipo de tubulação ideal para a sua instalação.

Tubulações Hidráulicas de PEX (Polietileno Reticulado)

cano pexA instalação deste sistema oferece benefícios diretos. Esta instalação obedece aos conceitos de uma instalação elétrica por meio de conduítes. Isso facilita a manutenção e dispensa a necessidade de quebra de paredes.

Vantagens: Dispensa o uso de conexões como joelho, “T” e outros. Suporta temperaturas que variam de -100°C a 95°C.

São de fácil transporte, por serem leves. Rapidez na instalação. Resistente a altas pressões e temperaturas. Não sofrem corrosão.

Desvantagens: Mão de obra especializada. O desconhecimento por parte dos profissionais. Baixa resistência a impactos.

O PEX é um tipo de material que de forma tímida vem sendo introduzido no mercado. Seu custo e a falta de mão de obra qualificada tem sido um entrave para a sua divulgação.

Falando como profissional da área de hidráulica, acredito que o PEX será a tubulação mais usada em um futuro bem próximo. A sua facilidade de instalação é impressionante. E há também alguns aspectos muito vantajosos tais como, a dispensa de conexões intermediárias.
Já que em toda instalação são possíveis pontos de vazamento.

Também podem ser utilizados para o transporte de água quente e fria. Também podem conduzir gás, devido a sua resistência mecânica.

Canos de CPVC (Policloreto de Vinila Clorado)

canos cpvcO CPVC é uma das tubulações mais utilizada no mercado de Instalações Prediais de Água Quente. Sua facilidade de instalação, aliada ao seu custo, seduz a maioria dos instaladores.
A Tigre, importante fabricante de tubos hidráulicas tem uma linha muito vendida de canos deste material ao qual eles deram a marca de Aquatherm.

O sistema de instalação é semelhante ao do tubo soldável de água fria (PVC marrom). Contudo com algumas diferenças, como o tipo de adesivo plástico, dispensa serem lixado, as conexões e seus diâmetros.

Vantagens: Facilidade de instalação, dispensando equipamentos especiais. Possui um bom isolamento térmico. O menor custo do mercado. Vida útil média de 50 anos. Livre de corrosão.

Desvantagens: As juntas de dilatações para instalações em água quente utilizam adesivo plástico (cola) para a união entre o tubo e a conexão. Com o tempo e a exposição a altas temperaturas, pode levar a um ressecamento do adesivo, ocasionando pontos de vazamentos.