Escolhendo o Aquecedor à Gás

Escrito por

 

A opção mais econômica para aquecer a água do banho é o aquecedor à gás.

Afinal boilers de água e chuveiros elétricos estão no topo da lista dos vilões da conta de luz.

Além disso, aquecedores à gás podem durar mais de 15 anos, contra os oito anos de um chuveiro elétrico.

Aqui listamos tudo o que você precisa saber para escolher o aquecedor de água ideal para suas necessidades.

Aquecedores à Gás: Conheça suas Necessidades

Para começar, o mais importante é compreender a estrutura hidráulica do seu imóvel e suas necessidades.

  • torneiraO aquecedor deverá gerar água quente para dois chuveiros ou torneiras ao mesmo tempo?
  • Qual o tipo de ducha que você tem em casa, ou pretende instalar? Duchas mais potentes podem exigir um aquecedor maior.
  • Qual o tipo de gás que será utilizado: natural encanado (GN) ou botijão (GLP)?
  • Qual será a distância entre o aquecedor e os pontos de água? Quanto mais distante, maior será a perda de calor da água até as torneiras e chuveiros, podendo exigir um aquecedor de maior capacidade – além de um pressurizador hidráulico. Existe uma perda de 1 grau centígrado por metro de cano entre o aquecedor até o chuveiro ou torneira.

Capacidade dos Aquecedores à Gás

Aquecedores são vendidos de acordo com o volume de água que são capazes de esquentar. Um bom volume de água fica entre 10 e 12 litros por minuto (l/min):

  • Uma ducha com vazão de 10 l/min: aquecedores de 6 a 13 l/min
  • Uma ducha e uma torneira ao mesmo tempo: aquecedores de 10 a 15 l/min
  • Duas duchas de 10 l/min: aquecedor com vazão de 16 a 25 l/min
  • Três duchas de 10 l/min: aquecedor a partir de 25 l/min

Tipos de Aquecedor à Gás

  • aquecedor gasPor passagem: a água é aquecida ao passar por um sistema de serpentina localizado ao redor de uma câmara de combustão. Porque a água só começa a ser aquecida no momento em que a torneira é aberta, aquecedores por passagem esquentam-na mais lentamente, mas são perfeitamente adequados para uso residencial.
  • Por acumulação: além do sistema de serpentina semelhante ao dos aquecedores por passagem, aparelhos que esquentam por acumulação possuem um reservatório onde a água já quente fica armazenada em tanques. Possuem melhor pressão e a saída de água quente da torneira ou chuveiro é imediata; no entanto é preciso ficar atento para não gerar vazamentos. Indicado para grandes volumes de água.

Modelos e Aquecedores à Gás por Passagem

Aquecedores do tipo por passagem possuem diferentes modelos:

  • Exaustão natural: os gases gerados pela combustão do aquecedor saem pela chaminé. Esses aquecedores devem ser instalados em áreas de serviço. Podem ser ativados via piloto (chama que fica permanentemente acesa e dispensa o uso de eletricidade) ou possuírem acendimento automático (utiliza pilhas para ativar a chama e é ativado quando a torneira é acionada).
  • Exaustão forçada: dispõe de um exaustor interno para empurrar os gases para a chaminé. Também deve ser instalado na área de serviço. Funciona à base de energia elétrica e possuem uma potência maior.
  • Fluxo balanceado: o único modelo que pode ser instalado em banheiros, pois são totalmente blindados. Possui duas chaminés: uma para entrada do ar e outra para saída do gás carbônico.

Observações Importantes sobre o Aquecedor à Gás

  • selo conpetProcure pelo selo de eficiência energética do Conpet – Programa Nacional de Racionalização do Uso dos Derivados do Petróleo e Gás Natural. Ele deverá informar o nome do fabricante, o ano de fabricação e modelo.
  • Jamais instale, no banheiro, um modelo de aquecedor que não seja o de fluxo balanceado.
  • Se o tipo de gás fornecido para sua residência ou estabelecimento mudar, você vai precisar fazer a conversão do seu aquecedor, substituindo peças internas e regulando-o novamente. A assistência técnica do fabricante é o único agente capacitado para realizar esse serviço.