Como Decorar Paredes e Móveis com Azulejos

Escrito por

As casas e apartamentos mais criativos não limitam o uso de azulejos apenas para o banheiro, a cozinha ou a lavanderia da casa. Essas peças tem sido utilizadas para criar painéis altamente decorativos para ambientes internos (salas, quartos) e externos (varandas, jardins). Móveis que merecem uma renovada também podem entrar nessa. Conheça algumas dicas para acertar na decoração com azulejos.

Por Que Decorar com Azulejos 

Azulejos foram criados pelos árabes, passou a fazer parte da cultura dos portugueses e chegou ao Brasil como parte do colonialismo. Aqui, no século XX, artistas como Athos Bulcão e Adriana Varejão o alçaram a obras de arte.

Logo arquitetos e designers de interiores começaram a elevar o azulejo para elemento decorativo, mais do que um simples revestimento para proteger paredes de banheiros, cozinhas e áreas de serviço da umidade.

A criação de painéis de azulejo nas salas e quartos – ou seja, fora de seus locais tradicionais – traz uma forte referência nacional ao ambiente. Se você escolher pelas tradicionais peças em azul e branco, Portugal estará presente.

Assim, os azulejos podem substituir quadros, fotografias e outras peças decorativas de paredes. É preferível, no entanto, que você more em imóvel próprio, já que não será possível arrancá-los das paredes e levar consigo em caso de mudança.

Como Escolher Azulejos para Decorar Paredes e Móveis

casa azulejoAzulejos para decoração de paredes e móveis não devem apresentar os mesmos desenhos que os utilizados tradicionalmente em banheiros ou cozinhas. É importante que o design deles seja diferenciado.

Dê preferência para peças um pouco maiores e com desenhos gráficos. A forma mais modernista de montar um painel ou móvel de azulejos é escolhendo quadrados que não precisam de outros para criar um padrão simétrico.
Peças retangulares também fazem a diferença, surpreendendo.

É claro que, se você desejar evocar o padrão português, essas regras não se aplicam. Afinal, azulejos dessa origem são peças que precisam de outras para formar seus desenhos.

azulejos sofá salaPara um visual retrô, visite cemitérios de azulejos. Ali você vai encontrar estampas incríveis que não são mais fabricadas há muitos anos. Outra alternativa interessante são os azulejos hidráulicos, que vem sendo reeditados com sucesso.

Para todos os efeitos, você poderá apelar para os adesivos de azulejos, que aderem a sua superfície com a estampa que você escolher. Ou mesmo fazer pintura à óleo sobre as peças.

Como Compor Painéis com Azulejos

sala azulejoQuanto maior a parede, maior devem ser o número de peças. Não vale a pena limitar seu painel de azulejos a uma área desproporcionalmente reduzida.

O ideal é criar um painel com o lado maior na horizontal. Ele não precisa ficar centralizado na parede: um pouco de incongruência é bem-vindo.

sala de jantar azulejosNo entanto, se você dispões de menos peças de azulejos, poderá fazer algo na vertical também. Aqui, o melhor é que a faixa de azulejos comece junto ao (ou perto do) teto. Deixe que ele termine no chão.

Projetos mais ousados continuam revestido o piso, de acordo com a faixa vertical criada na parede.

Se as peças são realmente poucas, instale os azulejos numa só fileira, alinhados com a cama do quarto ou um aparador na sala de jantar.

A menos que você tenha escolhido modelos mais tradicionais, que precisam se encaixar entre si para mostrar um padrão, seus azulejos gráficos podem ser colocados de qualquer jeito, em qualquer posição.

Essa incongruência realça o modernismo pretendido.

Revestindo Móveis com Azulejos

azulejo mesaTem um móvel abandonado num canto, pedindo uma renovada? Que tal usar azulejos?

Eles podem mudar completamente a proposta de mesinhas, tampos de mesa e até mesmo bancos – tanto os de bar quanto os grandes, de jardim.

Para isso você certamente precisará de mão de obra profissional, que cortará as peças na medida certa e os assentará corretamente.

Cuidados ao Decorar com Azulejos

quarto azulejoA menos que você já disponha das peças que quer usar e não pretenda adquirir mais nenhuma, meça a área que você pretende revestir antes de ir às compras.

Ao não fazer isso, você poderá gastar demais com peças que não precisavam ser obtidas. Ou pior: comprar de menos, voltar à loja e não haver mais o modelo que você escolheu.

Nesse caso, ou você muda o projeto inicial ou compra peças complementares que possam compor harmoniosamente com as que já tem. Ladrilhos de tamanho idêntico e cores que pertençam à paleta podem salvar o dia.

Para instalar as peças, contrate um pedreiro. Trata-se de um trabalho específico e delicado.