Cuidados com a Película Solar do Vidro

Escrito por

 

Películas solares, também conhecidas como insulfilm, podem ser aplicadas sobre vidros de automóveis, janelas de casas e apartamentos e até possuem modelos de segurança, que evitam que o vidro estilhace caso seja atingido por algum objeto.

Elas são compostas por poliéster e possuem diversas espessuras, níveis de transparência e pigmentações.

Entre as vantagens das películas solares está a proteção contra o calor e a luminosidade intensos, consequentemente protegendo a pele contra raios ultravioletas e preservando a mobília, além de aumentar a eficiência de aparelhos de ar condicionado.

Muitos também empregam o insulfilm para garantir a privacidade de quem está do lado de dentro do veículo ou da casa.

No caso de automóveis, a película solar também reduz o ofuscamento provocado pelos faróis de outros veículos, reduzindo acidentes.

Os modelos são diversos. Existem os metalizados e os que bloqueiam os raios UV e o calor sem comprometer a luminosidade interna do ambiente.

Saiba agora como cuidar da película solar e o que fazer caso queira retirá-la.

Instalação de Películas de Proteção Solar

película solarA instalação de películas solares deve ser realizada por pessoal treinado.

Empresas fornecedoras de películas costumam cobrar por metro quadrado de material e a instalação já está incluída do preço.

Como a película é adesiva, existe um enorme risco em aplicá-la pessoalmente sobre o vidro, como a formação de bolhas e vincos – o que poderá comprometer sua eficiência e resultar num efeito estético indesejável.

No entanto o cliente poderá tomar cuidados, como oferecer livre acesso ao vidro e proteger o piso e os batentes da janela com panos e toalhas de papel.

Aparelhos de ar condicionado e aquecedores deverão estar desligados na hora da instalação.

Como Cuidar da Película Solar

  • Para limpar a película solar, primeiro passe um espanador e retire possíveis partículas de poeira. Isso vai evitar eventuais riscos;
  • Anéis, relógios e pulseiras também deverão ser evitados, para não arranhar a película;
  • Em seguida faça uma solução utilizando três copos d´água para um de álcool. Borrife sobre a superfície e seque com uma flanela;
  • Você também poderá utilizar uma solução feita com sabão neutro e água;
  • Tenha cuidado redobrado com os cantos da película. Limpe-os separadamente com delicadeza;
  • Faça a limpeza de manhã cedo ou no final da tarde;
  • Não fique mais de três meses sem limpar a película;
  • Não use, em hipótese alguma, limpa-vidros, álcool puro, produtos abrasivos, palha de aço ou o lado áspero da esponja;
  • Não aplique objetos colantes como adesivos ou fitas durex sobre a superfície;
  • Vale lembrar que o período de secagem (aderência) da película no vidro após a instalação é de 30 dias. Durante esse período a limpeza usual deve ser substituída por uma flanela seca suavemente passada sobre a superfície.

Películas Solares: Como Retirar

película solar janelasPelículas solares devem ser colocadas por pessoal especializado, mas você mesmo poderá retirá-las.

Para isso você deverá borrifar sobre ela uma solução de detergente neutro com água e colocar um saco de lixo aberto por cima.

O sabão vai promover a aderência do plástico do saco de lixo à película. Borrife mais sabão por cima. Faça isso a cada cinco minutos, durante duas horas.

Em seguida, com a ajuda de um estilete, puxe uma ponta da película solar e certifique-se de que a cola está soltando.

Se ainda estiver muito grudada, borrife mais sabão e espere.

Se a cola já estiver se dissolvendo, puxe vagarosamente a película no sentido diagonal.

Após retirar a película, borrife a solução sobre o vidro e esfregue com uma esponja para retirar possíveis restos de cola.

Legislação das Películas Solares

É importante lembrar que existe uma legislação que estabelece que a passagem de luminosidade não pode ser menor que 75% em películas solares sobre o vidro incolor do pára-brisa do automóvel.

Caso seja colorido, essa porcentagem cai para 70%.

Vidros traseiros e laterais não poderão receber luminosidade inferior a 28%.