Como fazer a medição de corrente do aterramento?

Escrito por

Por quê executar a medição do aterramento?

Para verificar a eficiência do mesmo, já que apenas seguir os passos indicados, não é sinal de aterramento eficiente, tendo em vista que a relação de qualidade do solo x quantidade de hastes x comprimento e bitola dos fios, nem sempre é uma fórmula padrão para se obter os melhores resultados.

Executando medição de corrente do aterramento metodo 1

Os métodos aqui dispostos medem a resistência do aterramento para saber se o mesmo está apto à proteção elétrica e ganho dos demais benefícios citados .

Passo 1

– A medição inicial do aterramento é feita entre o orifício da fase e o orifício do terra .

Esta medição terá que mostrar um valor aproximado do valor obtido entre fase e neutro, conforme mostrado na página anterior.

As ponteiras podem ser inseridas em qualquer ordem, independente da cor.

Passo 2

– A próxima medição do aterramento é feita entre o orifício do neutro e orifício do terra terá que dar um valor de preferência abaixo de 3.0v, caso esteja acima, é possível que o aterramento esteja ineficiente ou mal feito.

As ponteiras podem ser inseridas em qualquer ordem, independente da cor. No exemplo abaixo a medição deu 1.8v.

Nota:

1 – Caso o valor medido entre neutro e terra seja: “0 volt”, não será referência de que o aterramento está eficiente, muito pelo contrário, isto pode indicar a falta completa de aterramento.

2 – Anualmente ou semestralmente meça o aterramento, pois podem ocorrer afrouxamentos e oxidações das tomadas e pinos, e isto pode ocasionar a falta de aterramento sem que o usuário perceba.

fonte:GuiaPraticodeAterramento