Como Fazer um Cantinho Verde em Apartamentos

Escrito por

Ah, as plantas! Peça fundamental para a existência de vida na Terra – e para o nosso bem estar, o dos humanos. Afinal, está mais que comprovado que ambientes com folhas e flores são mais relaxantes e acolhedores. Plantas também podem constar como as melhores amigas do homem. Elas humanizam os ambientes. Mesmo se você mora em apartamento, é possível criar sua pequena selva interna. Confira nossas dicas a seguir.

No escritório a presença de vegetais aumenta em 15% a produtividade, segunda pesquisa da Universidade de Queensland, na Austrália. Ou seja, eles trazem benefícios e sucesso.

Como Escolher o Espaço para o seu Cantinho Verde

O local onde você pretende montar seu cantinho verde é chave para a sobrevivência das plantas.

Se você dispõe de uma varanda ensolarada, será preciso adquirir espécies que gostem de sol e/ou luminosidade. Aqui entram as suculentas, os cactos, bromélias, samambaias, fitônias, crótons e várias outras espécies tropicais.

Caso você não tenha uma varanda, escolha uma janela onde bata sol por algumas horas do dia. Providencie um móvel para acomodá-las. Pallets podem trazer um toque irreverente ao local.

Use e abuse de pequenas estantes, prateleiras, mesinhas, carrinhos de bebidas, aparadores e até mesmo de móveis antigos, como uma penteadeira. Alguns vasinhos podem ficar em gavetas permanentemente abertas, por exemplo.

Vegetais como begônias, peperômias e marantas podem passar o dia sem sol direto. Desde que exista bastante luminosidade.

Algumas espécies podem ficar penduradas nas paredes ou teto, como é o caso das plantas pendentes. Neste caso, a última moda tem sido o suporte artesanal de macramê.

Ele é pendurado no teto e acomoda o vaso com a planta. Dá um ar vintage, revisitando os anos 70.

Para locais de sombra a espécie campeã é a zamioculca. Ela possui um aspecto de grandes ramos verdes, bem empinados. Sobrevive com tranquilidade nas áreas mais afastadas dos pontos de luz natural.

Além de um cantinho verde bem repleto de vasos, você também poderá espalhar outras espécies pela casa.

Mesinhas laterais, sobre a mesa de jantar, num aparador. Mas sempre atento às necessidades das plantas.

Você pode preferir vegetais com flores. Mas preste bem atenção: existem inúmeras espécies de plantas cujas folhagens são altamente decorativas – realmente surpreendentes.

Seu cantinho verde terá um charme mais rústico ainda se você resolver apostar nelas. Em geral são nativas dos trópicos, muito exóticas. No Brasil, é possível encontrar muitas espécies nacionais e sul-americanas.

Vantagens dos Jardins Verticais

Jardins verticais são aqueles em que as plantas ocupam uma parede, formando um painel verde. Ele pode ser uma ótima saída para quem mora em apartamentos bem pequenos.

Você poderá instalar vasos em meia lua diretamente na parede ou contar com um suporte de madeira. Mas se você mora num imóvel grande e quer um jardim vertical, conte com um sistema de irrigação automático.

O ideal é que as espécies tenham necessidades de luz semelhantes, já que ficarão concentradas num mesmo lugar. E compre as plantas já em tamanho grande, para que cubram a parede.

O chifre-de-veado, a ripsális, a peperomia columeias e barba-de-serpente são comumente usadas nesse espaço.

Vasinhos de Tempero na Cozinha

vasinhos temperosE na cozinha, quais espécies devem fazer parte de um cantinho verde culinário? Os temperos, é claro! Floriculturas e até mesmo supermercados vendem vasinhos de temperos já crescidos, prontos para serem cuidados e usados.

É uma fonte incrível de ingredientes. Ao invés de comprá-los em forma de ramos, você simplesmente retira as folhas diretamente do pé e joga na panela. Mais fresquinho impossível.

O ideal é que seus vasinhos fiquem todos juntos: taí o cantinho verde da cozinha. Mas isso só pode ser feito se todas as espécies possuírem mais ou menos a mesma quantidade de luminosidade.

Caso contrário, coloque a espécie com necessidades diferentes em outro canto da cozinha.

Manjericão, hortelã, tomilho, sálvia, alecrim, salsa e mesmo pimentas podem humanizar – e temperar – sua cozinha.

Acabamentos: Vasinhos e Cachepôs

Além da própria beleza das folhas e flores, aposte em vasos e cachepôs estilosos. Eles incrementam ainda mais o visual do seu cantinho verde.

Além do suporte de macramê, existe o simples e sempre bastante em conta vaso de barro. Cachepôs de cerâmica estão um degrau acima em termos de estilo, pois podem ganhar lindas cores e formas dos artesãos.

Aquários de vidro dão leveza e ao mesmo tempo rusticidade ao visual. Afinal é possível ver terra e raízes, além das folhas.

Você também pode usar caixas que já possua e usar como cachepot. Não esqueça de forrar o fundo com uma camada de plástico, para não molhar caso o pratinho de água transborde.

Xícaras grandes, cumbucas da vovó, chaleiras e vários outros objetos de cozinha podem conferir um charme extra às suas plantas.