Calçadas e Espaço de Circulação de Pedestres

Escrito por

Você sabia que as calçadas são planejadas para a melhor circulação de pedestres? Entenda melhor qual a função das diferentes faixas e espaços nelas presentes.

Significado das Faixas de Pedestres

Calçadas

calçada publica

A 1a faixa, de serviço, é destinada a colocação de mobiliário urbano, árvores, rampas de acesso, poste de iluminação e sinalização de trânsito.

Já a 2a faixa é livre. Deve ser plana e desobstruída, destinada a circulação de pedestres.

Por fim, a 3a faixa é de acesso aos lotes. É opcional para calçadas com mais de 2,00 metros de largura, em frente ao lote onde poderá estar: vegetação, propaganda móvel e mesas de bar – desde que não impeça o acesso aos imóveis.

Materiais Permitidos para Calçadas

calçadas em area de comercio


Uma outra questão importante envolve os materiais permitidos.

A antiga legislação definia três tipos de materiais como regulamentados: mosaico português, ladrilho hidráulico e o “cimentado”.

Também permitia outros materiais mediante aprovação da prefeitura (cidade de São Paulo – programa Passeio Livre – www.prefeitura.sp.gov.br/passeiolivre). Algo que de fato não ocorria, resultando em uma falta de padrão e continuidade do piso nas ruas da cidade.

Atualmente ficam permitidos somente os seguintes tipos de piso: bloco intertravado, placa pré-moldada de concreto, ladrilho hidráulico e concreto liso ou estampado.

Os demais pisos não podem ser usados. O granito e o mosaico português ficam restritos aos locais históricos onde já estão incorporados à paisagem.
Com isso, gradativamente deverá diminuir a diversidade de materiais. E, conseqüentemente, teremos uma maior continuidade do passeio.

Como Fazer para o meu Carro Entrar na Garagem?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como Ficam as Esquinas?

A esquina é o ponto principal de uma calçada. Portanto precisa estar desobstruída para permitir a circulação e a permanência de pedestres.

Portanto o mobiliário de grande porte, como banca de jornal, deve ficar há 15 metros do eixo da esquina. O mobiliário de tamanho pequeno ou médio, como o telefone público ou caixa de correio, deve estar a 05 metros.

Piso Tátil de Alerta

Piso tátil de alerta é um recurso que auxilia a pessoa portadora de deficiência visual quanto aos seu posicionamento na área da calçada.
Ele deve ser instalado em áreas de rebaixamento de calçada, travessia elevada, canteiro divisor de pistas ou obstáculos suspensos.

Onde Fica o Rebaixamento das Calçadas?

As rampas de rebaixamento de calçada devem estar juntas às faixas de travessia de pedestres. É um recurso que facilita a passagem do nível da calçada para o da rua, melhorando a acessibilidade para as pessoas com mobilidade reduzida.

Ou empurrando carrinho de bebê, pessoas transportando grandes volumes de carga e aos pedestres em geral.

 

 

Rebaixamentos de calçadas, devem estar em cor contrastante com a do piso. Largura de 0,25 a 0,50m, afastada 0,50m do término da rampa.

Sistemas Adequados para a Construção de Calçadas

Pavimento de blocos pré-fabricados de concreto, assentados sobre camada de areia, travados através de contenção lateral e pelo atrito da camada de areia entre as peças.

Placas pré-fabricadas de micro-concreto de alto desempenho, para aplicação assentada com argamassa sobre base de concreto. Ou removível, diretamente sobre a base ou como piso elevado.

Concreto moldado in loco e concreto estampado. A calçada de concreto pode ser executada com concreto moldado in loco de modo convencional, quando o concreto, produzido em central ou na própria obra, é simplesmente desempenado e vassourado.

Já o concreto estampado consiste no uso de fôrmas para estamparia e produtos de acabamento especiais, podendo-se reproduzir cores e texturas variadas.

O ladrilho hidráulico possui alta resistência ao desgaste para acabamento de pisos, assentada com argamassa sobre base de concreto.