Boia Automática em Duas Caixas Independentes

Original: https://www.fazfacil.com.br/reforma-construcao/boia-automatica-duas-caixas/ Escrito por

Como um poço pode abastecer dois reservatórios superiores (caixas d’água) independentes utilizando uma eletro-bóia?

Trata-se de uma instalação incomum e, por isso, exige soluções especiais.

Vamos conhecê-las.

Primeira Solução

Você pode interligar os reservatórios: a bomba abastece o reservatório mais alto e o reservatório mais alto abastece o reservatório mais baixo, onde é instalada uma torneira de boia. Essa boia possibilitará o controle do nível do abastecimento, impedindo o transbordamento do reservatório.

Aqui a eletro-boia (também conhecida como boia automática) é instalada no reservatório mais alto, controlando o nível dos dois reservatórios, de modo que o reservatório mais alto só ficará cheio se o reservatório mais baixo também estiver cheio.

À medida em que o nível de água do reservatório mais baixo diminui, o reservatório mais alto o abastece por gravidade, tendendo a igualar o nível de ambos. Aqui, então, a bóia automática é acionada e liga a bomba para o abastecimento de água do reservatório da residência mais alta.

Instalação eletrica de boias automaticas

Bóia automática

torneira de bóia

Torneira de bóia

Reservatório mais alto com bóia automática:

Instalação da boia

Reservatório mais baixo com torneira de bóia:

bóia torneira

O problema desta instalação, no entanto, é que não haverá um controle de gasto de água por residência (individual) porque os dois reservatórios estarão interligados.

Esquema: Solução 1

bóias esquema 1

Para fazer esta instalação é necessário instalar uma torneira de bóia de excelente qualidade, pois é preciso evitar a passagem de água devido à pressão de água (coluna d’água) em relação ao reservatório mais alto.

Segunda Solução

A outra possível solução, que acredito ser a ideal, é realizar a instalação com duas bóias automáticas independentes uma da outra (ou seja, uma em cada reservatório) e ainda instalar torneiras de bóia em cada reservatório. Esse modelo funciona da seguinte forma:

1. As bóias automáticas são ligadas em fiações independentes, mas na mesma fase do disjuntor geral; e também são ligadas na bomba, liberando o acionamento desta bomba no caso de um dos dois reservatórios atingir o nível mínimo, que será regulado pelo usuário.

2. As torneiras de bóia exercem o papel de controle de nível adicional, quando, por exemplo:

– A bóia automática do reservatório mais baixo acionar a bomba e o reservatório mais alto estiver cheio: com a bóia automática desligada, a torneira de bóia do reservatório mais alto não permitirá que o mesmo receba água, pois, se receber, haverá transbordamento.

– A bóia automática do reservatório mais alto acionar a bomba e o reservatório mais baixo estiver cheio: com a bóia automática desligada, a torneira de bóia do reservatório mais baixo impedirá a entrada de água, abastecendo somente o reservatório que necessitar.

– Quando os dois reservatórios estiverem vazios, as duas bóias automáticas mandam o sinal elétrico para a bomba, acionando-a e abastecendo os dois reservatórios. Mesmo que um deles estiver abastecido, o sinal da bóia automática do reservatório que ainda não foi abastecido continuará acionando a bomba.

Não haverá problema de curto-circuito, pois trata-se de uma mesma fase, ou seja, a instalação elétrica funcionaria como um bypass.

Esquema: Solução 2

boia esquema 2

 

Acredito que esta seja a solução mais viável para a sua instalação, avalie cada possível solução e escolha a melhor.

A Torneira de Bóia Ideal para a Segunda Solução

Em primeiro lugar é importante ressaltar que esta instalação é bem atípica e é necessário que se encontre a melhor solução para resolver o problema, visto que a instalação está pronta.

De fato não é admissível utilizar torneira de boia onde há recalque, ou seja, coluna d’água alimentada por um conjunto motobomba.

Mas, se você observar, as torneiras de boia estão protegidas pelas boias automáticas; na verdade, a torneira de boia no caso mencionado funciona apenas como uma proteção para que o reservatório não transborde. No esquema, as torneiras de boia não tem a função de impedir a entrada de água, pois, não poderiam suportar a pressão da bomba.

Observe que os dois reservatórios possuem boias automáticas, possibilitando o acionamento da bomba de forma independente.

Vamos avaliar algumas situações:

Situação 1:

Suponhamos que o reservatório da residência inferior esteja abastecido em seu nível máximo e o reservatório da residência superior esteja em seu nível crítico: o reservatório da casa superior precisaria ser abastecido.

Automaticamente a eletro-boia acionará a bomba (se não houvesse a torneira de boia no reservatório da casa inferior, ele certamente transbordaria); como o reservatório da casa inferior está cheio, a torneira de boia impede a entrada de água e essa água é conduzida para o reservatório da casa superior.

A torneira de boia da casa inferior não é danificada, pois a tubulação alivia a pressão com a saída da água no reservatório da casa superior.

Quando o reservatório da casa superior atingir o seu nível máximo, a bomba desliga automaticamente.

Situação 2:

Suponhamos que o reservatório da residência superior esteja abastecido em seu nível máximo e o reservatório da residência inferior esteja em seu nível crítico: o reservatório da residência inferior precisaria ser abastecido.

A boia automática acionaria a bomba; se não houvesse a torneira de boia no reservatório superior, é possível que de acordo com a potência da bomba, ela pudesse conduzir a água até o reservatório superior da casa, causando transbordamento.

No entanto, como há a torneira de boia, ela impede a entrada de água no reservatório superior, conduzindo toda a água para o reservatório da casa inferior, sem exercer muita pressão sobre a torneira de boia do reservatório da casa superior.

E quando o reservatório da casa inferior estivesse abastecido, a bomba seria desligada automaticamente pela boia automática.

Situação 3:

Suponhamos que os reservatórios tanto da casa superior como da casa inferior se encontrem em seu nível crítico: as duas boias automáticas acionariam a bomba, permitindo assim a entrada de água pela torneira de boia.

E, quando um dos reservatórios estiver abastecido, uma das boias automáticas estaria desarmada e a torneira de boia do respectivo reservatório evitaria o transbordamento do mesmo.

Contudo a outra boia automática continuaria acionando a bomba, e a torneira de boia daquele reservatório permitiria a entrada de água, ou seja, as torneiras de boia fariam o papel de dispositivos anti-transbordamento.

O esquema da instalação:

boia esquema 3

 

É importante ressaltar que a boia automática deve ficar posicionada abaixo do posicionamento máximo da torneira de boia, senão de nada adiantará a torneira de boia, e o reservatório transbordará.