A Função do Beiral na Construção da Casa

Escrito por

O beiral é a parte avançada de um telhado – sua última fileira de telhas. Ela existe para proteger a fachada da queda da água da chuva e não escorra sobre ela. Saiba mais a seguir.

Enquanto a função da platibanda é esconder o telhado, formando uma fachada de linhas retas, o beiral protege essa fachada das intempéries. A platibanda cresce verticalmente enquanto o beiral o faz horizontalmente.

Atualmente isso já não é tão essencial assim. Afinal, já dispomos de tintas e vernizes que dão conta das variações climáticas. Mas o beiral ainda é um acabamento irresistível.

Vale lembrar que esse elemento não é a mesma coisa que um alpendre ou uma varanda. Mesmo sem pilares, espaços de telhado onde uma pessoa pode se abrigar são área construída.

Tamanho Ideal do Beiral

A regra de ouro é: o beiral precisa ser proporcional ao seu imóvel. Não apenas porque ele vai gerar mais sombra e mais proteção como também proporcionará equilíbrio estético.

esquema beiral

A medida tradicional é de 80 cm. Se quiser esticá-lo um pouco mais, fique atento aos códigos municipais para isso. Em alguns locais é permitido chegar a até 1 metro. Em São Paulo, podem ter 1,20 m.

Estrutura do Beiral

É sempre importante prever um revestimento nos vão das telhas e em sua parte inferior. Sem isso alguns animais poderão se esconder e fazer ninhos sobre a laje, incomodando os moradores.

Atenção: se você está construindo seu imóvel de modo que ele termine perto da cerca que limita sua propriedade, seu beiral não poderá atravessá-lo. A saída é construir uma platibanda.

Tipos de Beiral

Além da já conhecida madeira, um beiral pode ser feito de metal – sobretudo quando as telhas também são feitas do material. Nos casos de construções mais modernas, de linhas retas, ela também está presente na forma do prolongamento da laje.

Aqui, o mais importante é estar atento à estanqueidade do telhado e do próprio beiral. Em seguida, saber o que o beiral vai enfrentar.

Em países muito frios, é interessante que esse elemento segure – ou deixe escorrer com facilidade – a neve. Em regiões tropicais como o Brasil, o importante é gerar o máximo de sombra.

Outro elemento muito importante é instalar uma calha no limite do beiral. Isso vai evitar os respingos generalizados que as telhas acabam proporcionando.

Quem tem teto verde pode até deixar que os vegetais se prolonguem até as bordas. No entanto a maior parte dos arquitetos recomendam que eles terminam logo antes de começar o beiral.

Isso elimina o peso da plantação e, assim, menos chances do elemento acabar cedendo.