Como Evitar que seu Gato Arranhe a Mobília

Escrito por

Veja algumas dicas para conciliar a feliz convivência do seu animal de estimação com aquele sofá novinho!

Os gatos domésticos são os menores felinos do mundo. Portanto, apesar de pequenos, ainda são felinos! E felinos são extremamente caçadores. Gatos irão perseguir praticamente qualquer coisa que se mexa!

Eles também são excelentes na arte de escalar e parecem se gabar disso. Passam horas a fio se limpando e afiando suas garras.

Em vida livre, procuram troncos de árvores para exercitar e afiar as unhas, de forma que estejam sempre prontas para serem usadas.
Esse hábito é importante tanto para a manutenção das garras quanto para o bem estar do animal, pois é um momento de grande relaxamento para o gato.

Quando criados dentro de casa, porém, o instinto permanece, mas sem um local adequado para tal, esses pequenos felinos começam a afiar suas garras em tudo que lhes pareça confortável: tapetes, colchões, poltronas e aquele sofá novinho da sala!

Ofereça Opções para o seu Gato Arranhar

Como evitar que seu gato arranhe a mobília, torre para gatosO primeiro passo para manter o bichano longe dos móveis é oferecer alternativas. Disponibilize locais próprios para o uso do gato, onde ele possa afiar suas unhas à vontade.

Pode-se utilizar desde tapetes do tipo capacho de porta, pedaços de carpete até arranhadores comerciais para gatos encontrados em pet shops.

Um arranhador caseiro pode ser feito de papel cartão revestido por carpete ou corda.
É fácil de montar, de baixo custo e eles adoram!

Erva do Gato: Aumente as Chances de Sucesso do Arranhador

Para aumentar a atratividade do arranhador e tirar a atenção dos móveis, uma boa dica é utilizar a “erva do gato”.

Essa erva leva este nome justamente por causar uma atração irresistível aos felinos, quase que entorpecente.

Os gatos são capazes de ficarem horas se esfregando no local onde encontram o cheiro da erva. A erva do gato é facilmente encontrada em pet shops.

Repelentes Químicos para Evitar Arranhões de Gatos

Repelentes próprios contra cães e gatos são também encontrados nos pet shops ou venda pela internet e podem ser bons aliados contra visitas indesejadas à mobília.
Eles exalam um odor desagradável que repele os animais.

Procure aqueles que podem ser utilizados nos móveis, para evitar danos ao tecido ou forração.

Estes repelentes para animais domésticos são seguros e normalmente não possuem odor detectável pelas pessoas.

Corte as Unhas do seu Gato

Como evitar que seu gato arranhe a mobília, controle das unhasUma outra alternativa, porém não muito recomendada é fazer um corte periódico das unhas dos gatos.

Converse com seu veterinário a respeito e evite fazer você mesmo este procedimento, pois poderá ferir seu gato além de deixá-lo muito estressado.

Caso seja necessário o corte das garras de seu gato, leve ao consultório ou ao pet shop para que profissionais façam o procedimento.

O corte de unhas, quando feito da forma correta, é totalmente indolor para o animal.

Deve-se utilizar tesoura própria para isto e cortar apenas a ponta mais afiada, longe da parte irrigada da unha.

É possível identificar a parte irrigada quando olhamos a unha do gato contra a luz, a parte cor de rosa é a parte que possui circulação sanguínea e nunca deve ser afetada.

Atenção: a retirada cirúrgica das garras é um procedimento mutilador e cruel, que já está terminantemente proibido pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV), conforme resolução 877 publicada no Diário Oficial da União, em março de 2013.

Evite o Tédio do seu Gato

Como evitar que seu gato arranhe a mobília, tedioUm animal entediado é um animal que tende a destruir. Mantenha seu gato ativo, dê a ele oportunidades de brincar e se exercitar, e ele certamente esquecerá os móveis.

Ofereça brinquedos como bolas de tamanho pequeno e aqueles com molas e cordas.
Gatos também adoram brinquedos que têm penas!

Momentos de brincadeira e interação com a família farão bem a todos e manterão a mobília a salvo de felinos entediados!

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: Resio, pixie_bebe, Jorbasa, arquera