ÓLEO do CARRO! Quando devo trocar?

Escrito por

 

Nesta seção você pode tirar algumas dúvidas sobre lubrificação automotiva, bem como esclarecer alguns conceitos errados amplamente divulgados, que podem resultar em uma lubrificação deficiente e até mesmo imprópria.

Escolher bem um tipo de óleo é essencial para proteger e assegurar o melhor rendimento do motor.

Quando devo trocar o óleo do carro?

Quando atingir o período de troca recomendado pelo fabricante do veículo e que consta do “Manual do Proprietário”.

Os atuais fabricantes dos motores vêm recomendando períodos de troca cada vez maiores, dependendo do tipo de serviço e da manutenção do carro.

É verdade que o motor deve estar quente na hora de troca de óleo?

Sim, porque quando o óleo está quente, ele fica mais fino e tem mais facilidade de escorrer.

Como devo escolher o lubrificante para meu carro?

Para saber qual é o lubrificante correto para seu veículo, consulte o “Manual do Proprietário” na parte de manutenção quanto à viscosidade (SAE) e ao desempenho (API) ou então verifique nas tabelas de recomendação disponíveis nos postos de serviço.

Dicas para controle de fluidos de seu carro

Qual a validade do óleo lubrificante?

A validade do óleo lubrificante é indeterminada, desde que o produto seja armazenado de maneira correta, ou seja, lacrado em sua embalagem, em local seco e evitando exposição ao calor e à luz do sol.

Por que trocar o óleo a intervalos adequados?

À medida que se utiliza um veículo, a quantidade de contaminantes no óleo vai aumentando.
Como os produtos da combustão são formados continuamente, e, consequentemente, absorvidos pelo óleo, torna-se cada vez mais difícil para o óleo proteger e lubrificar o motor.

Por outro lado, os aditivos, como por exemplo os que dispersam os materiais formadores de borra e evitam a ferrugem e a corrosão, se esgotam enquanto cumprem suas funções.
Quando esse esgotamento dos aditivos atinge determinado ponto, o óleo não consegue mais fazer o seu trabalho.