Tipos de colchões!

Escrito por

Colchões de água

São muito divertidos e são muito bons para este fim.

Agora se quer descansar e repousar bem em cima de uma superfície destas, esqueça pois o material (água) irá ser muito mais agressivo para o seu corpo que o metal dos colchões de molas .

Colchões de Latex

Um dos melhores que poderá encontrar fabricado no mercado nacional.

Tem uma longevidade superior a todos os outros colchões e só precisam de ser arejados pois caso ainda não tenha reparado, latex é borracha.

É muito melhor que a espuma pois esta embora contendo poros é opaca e o Latex na maioria premite passar o ar.

Mas tem as mesmas limitações antes citadas pois precisa de ser poroso e como tal tem que ter uma textura semelhante á espuma se não, dormiria em cima de um pneu.
E se for colocado directamente sobre o chão, ir-se-á deteriorar mais rapidamente.

O colchão de latex é um investimento a médio prazo (dez anos dependendo da qualidade e dos cuidados) devido á acumulação de humidade.
E como muitos tem tem canais interiores para passar o ar, a sua consistência é fragilizada por falta de suporte, facilitando os afundamentos mediante os pesos e a posições constantes.

Existem pessoas que são alérgicas ao Latex sendo uma grande contra indicação.
E alguns colchões de latex para manterem a estrutura , tornão-se muito pesados (o que é incomum pois tem a ver com a qualidade do mterial), sendo contra-indicados para serem manuseados por pessoas de idade ou com problemas de coluna.

 Colchões de Viscoelástico

Este é um dos materiais sintéticos do futuro. Existe em varias qualidades com cores à escolha .

O mais avançado elemento é o visco elástico com memória em que existem varias variantes na forma de actuar e comportamento.

Este material inteligente modela-se ao corpo exercendo pressões diferentes suavizando o assentamento do corpo em cima do colchão.

É um material que vai surgindo em modelos por parte das marcas e tem uma boa longevidade mediante a qualidade do viscoeleastico e a manutenção das suas propriedades mecânicas (5, 10 e 15 anos).

São colchões caros pois empregam materiais desenvolvidos pela investigação aeroespacial.
Empregar o nome da NASA é enganar pois esta não autoriza o uso do seu nome para fins comerciais.
O que é bom não precisa de recorrer a terceiros para promover.

 Colchões com partes eléctricas

A garantia á parte eléctrica como focado anteriormente é independente e não costuma ultrapassar os 6 meses, o que é um verdadeiro problema e uma falta de confiança do fabricante.

Independente da sua função, a electricidade gera poluição electromagnética que altera o correcto funcionamento das paredes celulares (o que pode ser observado num vídeo de demonstração no site de venda do microscópico óptico mais avançado do mundo em http://www.grayfieldoptical.com/); ver artigo “Poluição electromagnética”.

Além da poluição electromagnética que gera Stress a nível celular levando a um desgaste do organismo, temos que considerar o isolamento do sistema eléctrico também .

cama

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: Martika G, bedzine