Reutilize Roupas e Entre na Moda com Economia

Escrito por

A moda muda muito – e às vezes favorece o aproveitamento de roupas antigas ou permite que, com pequenas modificações criativas, seja possível atualizar várias peças do guarda-roupas.

Depois dos anos 60, 70 e 80, que já se tornaram clássicos – ou seja, são tendências que se tornaram praticamente permanentes – é a vez da década de 90, cuja influência também chegou para ficar.

Estamos falando de roupas bem largas, camisetas curtinhas (também conhecidas como “crops”), visual masculino de alfaiataria para mulheres, gargatilhas tipo coleira (as “chokers”) e muitos apliques em camisas, calças, jaquetas e até mesmo em calçados, bolsas e mochilas.

Muitas vezes essas roupas estão no armário ao lado, ou no fundo do baú, e com pequenas modificações – ou nenhuma! – podem voltar à ativa.

Veja a seguir como adotar o estilo dos anos 90 gastando pouco.

Aproveite Peças Largas

jaqueta oversizedSe no seu armário só existem peças bem do seu tamanho, inclua também calças, camisas, pulôveres e jaquetas largas, que criam o look “oversized”.

Você pode procurar entre roupas aposentadas depois de um bom emagrecimento ou pegar emprestadas de parentes ou amigos que vestem tamanhos maiores.

Para um visual mais dramático, você pode compor o visual inteiro com as peças largas. Se quiser apenas fazer referência às passarelas, opte por apenas uma.

Prenda as calças com cintos – de preferência um pouco mais largos. As camisas devem ser usadas para fora da calça ou da saia.

Uma peça que já está em alta há alguns anos, que também faz parte da tendência oversized e pode ser incluída no guarda-roupas feminino é o blazer grande, ou “boyfriend” – que sugere que a mulher pegou do guarda-roupa do namorado.

Entrando na Moda: Faça sua Camiseta Crop

camiseta cropUma das maneiras de atualizar o visual é adotando as camisetas curtinhas conhecidas como “crops”.

Para isso basta escolher uma camiseta que você já tenha e fazer uma bainha bem sobre o, ou um pouco acima do, umbigo.

Use camisetas mais justinhas (tipo baby look) ou com listras horizontais para marcar ainda mais a tendência.

Essas camisetas vão bem com qualquer tipo de calça, saia ou sob macacões jeans, que voltaram com força.

Alfaiataria e Peças Masculinas para Mulheres

coleteÉ novamente hora de pegar emprestadas peças do guarda-roupa do pai, marido, irmão ou namorado: os ternos, em especial os risca-de-giz.

Paletós, se não tiverem ombreiras ou lapelas largas demais, podem ser usados grandes. Talvez a única necessidade de ajuste seja no comprimento das mangas.

Calças devem ser totalmente ajustadas ao manequim da mulher. Com exceção do paletó, a alfaiataria para mulheres deve ser do tamanho dela.

Se a calça for grande demais, considere abrir as costuras e transformá-la numa minissaia: o tecido da alfaiataria e as cores sóbrias vão continuar atribuindo um ar austero do visual.

Outra peça às vezes encontrada no guarda-roupas dos homens e que voltou à moda é o colete. Este pode ser usado grande, sobre camisas, camisetas e crops.

Faça sua Gargantilha Choker

chockerGargantilhas de diversos modelos voltaram à cena. No entanto a tipo coleira – completamente lisa, feita de cetim ou veludo e, de preferência, na cor preta – é a grande dama da categoria.

Mas ao invés de gastar dinheiro numa pronta, adquira alguns centímetros de fita de cetim ou veludo e um fecho de pressão ou de gancho – tudo encontrado em qualquer armarinho ou loja de costura por poucos reais.

Passe a fita ao redor do pescoço e marque exatamente aonde os fechos devem se encontrar. Em seguida pregue-os e corte as sobras da fita.

Para não engrossar as extremidades da fita com a bainha tradicional, substitua-a passando uma fina camada de cola para artesanato na extensão das pontas. Isto evitará que fios sejam puxados.

Você pode decorá-la passando um pingente, como, por exemplo, um camafeu.

Renove suas Roupas com Apliques

jaqueta apliquesOutra tendência muito forte e divertida é decorar peças com apliques, também conhecidos como “patches”.

Eles podem ser encontrados em armarinhos ou lojas especializadas na internet, e costumam ser baratos.

Podem ser encontrados inúmeros modelos bordados: para um visual mais atual, escolha os bem coloridos e mais humorados.

Prenda-os com  a técnica no apliqué, que envolve papel termocolante e ferro de passar, ou costurando à máquina.

Use, de preferência, três patches na mesma peça, próximos ou ao outro. O número pode ser muito maior.

Só não vale espalhar por toda a superfície da roupa: localize num só lado.

Calças, camisas, camisetas, saias, bermudas, coletes, sapatos esportivos de couro, bolsas, mochilas – todos podem levar apliques.

Os tecidos que mais combinam com patches são o jeans, o brim, o couro, a camurça e a flanela.

Outras Dicas para Aderir ao Visual dos Anos 90

  • Se você é mais ousada e precisa de uma peça para sair à noite, considere usar a camisa de um pijama de seda. Ela vai bem com jeans, calças de cores neutras ou saias.
  • Suspensórios podem ser muito usados – do estilo mais casual, como jeans e camiseta, ao mais austero, como com peças de alfaiataria e camisa social.
  • Xadrez, em especial camisas em flanela, já se tornaram um clássico. Elas podem fazer as vezes da jaqueta ou do casaco nos dias frios, vestida aberta ou fechada por cima de camisetas. Se esquentar, podem ser amarradas ao redor da cintura.
  • Outra maneira de ficar mais quentinha em dias frios é usar uma camiseta comum sobre a camisa social, com a gola para fora.
  • Estampas florais pequenas, com jeito de anos 70, marcaram os anos 90 – em especial em vestidos longos e amplos.