Plano Financeiro para Evitar Dívidas

Escrito por

 

As contas podem tirar o seu sono, principalmente quando se está coberto de dívidas.

Porém, para não cair nessa armadilha é preciso começar a se preocupar bem antes de perder o controle.

Fazer um planejamento financeiro não é uma tarefa tão difícil quanto parece, mas vai ajudá-lo a ter um controle sobre seu dinheiro.

Veja como fazer o seu e não ficar endividado.

Planejamento Financeiro: Tenha uma Planilha para Controle

finançasEssa é a melhor maneira de saber exatamente quanto se tem e onde está gastando.

Anote todos os seus rendimentos e seus gastos para ter um controle sobre o que entra e sai da sua conta – e lembre-se de que é preciso ter um equilíbrio financeiro, por isso nunca gaste mais do que ganha.

Dívidas: Corte Gastos Desnecessários

Para fazer um bom planejamento financeiro, divida suas contas em três categorias: essenciais (água, luz, aluguel), desejáveis (internet, TV à cabo) e dispensáveis (roupas, passeios).

A contas essenciais não têm como sair do orçamento, as desejáveis podem ser ajustadas e a dispensáveis podem ser bem reduzidas ou até mesmo eliminadas quando se está com dívidas.

Repensando essas contas, já é possível fazer sobrar um dinheiro para quitar as dívidas.

Não Compre por Impulso

finançasVeja realmente o quanto precisa daquele item antes de comprar.

Em alguns casos é possível esperar para conseguir uma promoção.

Uma dica é nunca comprar sem antes pesquisar o preço ou tentar negociar, pois assim pode-se conseguir valores bem menores.

Além disso, comprar à vista é sempre a melhor opção por diversos fatores.

Você pode conseguir valores mais baixos e não precisa ficar se preocupando com contas futuras. Uma dica é juntar o dinheiro por um período para só depois fazer a compra.

Cartões de crédito e cheques devem ser evitados ao máximo, pois, caso haja o atraso no pagamento deles, os juros cobrados acabam sendo exorbitantes e fazem com que sua dívida cresça muito.

Troque suas Dívidas

Se já está enrolado com as contas, principalmente com as de juros muito altos, tente substituir por outras.

Muitas vezes vale a pena pegar um empréstimo e quitar a conta do cartão de crédito, por conta dos valores cobrados, porém é preciso se atentar ao pagamento correto das parcelas para não se perder de novo em dívidas.

Reequilibrando as Contas: Entenda o Valor do Dinheiro

Muita gente nunca parou para pensar o real valor do dinheiro e por isso acaba gastando de forma descontrolada.

Uma boa dica é fazer correspondências. Quando for comprar alguma coisa, pense em quantas horas de trabalho isso vai custar.

Por exemplo, uma calça custa 80 horas de trabalho. Nesse caso, será que realmente vale a pena, pensando no seu esforço?