Economize na Compra de Roupas Infantis

Escrito por

Crianças crescem rapidamente, crianças desgastam roupas com muita frequência. Por isso, ir às compras por roupas infantis acaba sendo rotineiro – e deve envolver planejamento, de modo a garantir o máximo de economia. Conheça nossas dicas para poupar dinheiro nesses momentos.

Roupas Infantis: Indo às Compras

Prefira sempre as liquidações que acontecem no final das estações. Mesmo se o clima mudar, no Brasil as coleções que estão saindo de linha sempre contam com peças que se adequam à próxima.

menino se vestindoO ideal é que você vá às compras sem as crianças: isso evita que você acabe levando peças desnecessárias, mas que os seus filhos adoraram.

Compre, sozinho, estritamente o que o pequeno precisa e, em casa, faça-o experimentar tudo. Atenção: nunca retire a etiqueta da peça antes que seu filho a vista e você conclua que ela serve!

Se precisar trocar a roupa, aí sim, você poderá levá-lo de volta à loja com você. Explique que vocês se limitarão à troca, e não à compra de novas peças.

Compre, de preferência, mais peças separadas (camisetas, saias, shorts) do que inteiriças (vestidos, macacões). Isso permite variar mais o visual da criança, já peças separadas podem ser conjugadas com outras.

Escolhas Inteligentes na Hora de Comprar Roupas para Crianças

Na hora de comprar roupas para seus filhos, algumas dicas ajudarão a fazer economia indireta – fundamental para diminuir as despesas em médio e longo prazos.

Escolha roupas mais baratas para os momentos de lazer da criança. Ela não precisa usar uma camisa sofisticada ou um sapato formal para brincar em casa ou no parque. E barato não significa feio: atualmente existe uma enorme quantidade de marcas que produz roupas infantis simples e de bom gosto.

Essas peças ficarão surradas e deverão ser substituídas mais rapidamente, mas as boas roupas serão poupadas.

Já as peças mais caras deverão de fato serem de boa qualidade e ser compradas um ou dois números maiores. Isso porque a criança as usará menos, e por isso terão vida útil maior. Se durarão por mais tempo, é importante que ela caiba na criança por mais tempo também.

Atenção às peças com design “do momento”. A moda passa rápido e o hit de hoje poderá ser considerado cafona ou datado em muito pouco tempo.

Evite comprar quantidades muito grandes de peças para o seu filho. Ele crescerá rápido e provavelmente usará poucas vezes a mesma coisa. Por causa do crescimento, perderá roupas ainda em muito bom estado, o que é uma pena.

Outras Dicas para Comprar Roupas Infantis Mais Baratas

roupas infantisAlguns hábitos tradicionais, como pedir ou aceitar doações de roupas de crianças de amigos e familiares. Ou então comprar roupas usadas de crianças próximas por um preço mais em conta.

Brechós infantis são outra saída para comprar mais barato. E vender também: junte as peças que a criança não usa mais e passe-as adiante, em consignação, a um brechó ou bazar infantil.

Com esse dinheiro você poderá comprar peças novas ou mesmo garimpar algumas usadas.

Você também pode organizar um bazar presencial online e convidar, virtualmente, pais e mães com filhos para dar uma olhada.

Veja também nossas dicas sobre como economizar com uniformes escolares.