9 Dicas de Segurança Pessoal e o Uso da Tecnologia para sua Proteção

Escrito por

Proteger as suas informações pessoais é essencial, assim como se auto proteger. Conheça aqui algumas dicas de segurança pessoal, inclusive, na internet!

Pessoas mal-intencionadas estão por todos os lados, independente de ser um ambiente físico ou virtual. Na internet, por exemplo, elas podem utilizar as suas informações básicas para aplicar golpes.

Entre elas, o seu número de telefone e até as redes sociais. Além disso, existem diferentes riscos em ambientes físicos. Saiba aqui como se proteger, anotando as nossas dicas de segurança pessoal.

1. Segurança Pessoal: Evite Ruas Desertas

Independente do horário, ruas desertas são perigosas e um convite a ataques de criminosos. Esse é uma recomendação bem básica mas sempre fundamental.

Caso você não tenha como evitar, vá sempre bem acompanhado e fique todo o tempo em alerta.

2. Invista em Aplicativos de Monitoramento Parental

segurançaPode parecer de uso para pais, mas instalar um aplicativo de controle parental ajuda pessoas de todas as idades. O Spyzie, por exemplo, é um aplicativo que monitora, remotamente, todas as atividades do celular.

Disponível para Android e iOS, o Spyzie já está na versão 6.0. Conta com recursos úteis, como rastreamento de SMS, WhatsApp, localização e outras funções incríveis.

Além de garantir a localização exata de um ente querido, você também pode monitorar os dispositivos de seus filhos ou cônjuge, bem como bloquear apps indesejados.

Instalá-lo é uma forma de proteção para você e sua família contra sequestros, bem como se proteger de pessoas mal-intencionadas na internet.

3. Escolha Bem o Local de Estacionamento para sua Segurança Pessoal

É recomendável estacionar sempre em locais particulares. Mas caso isso não seja possível, estacione o mais próximo ao seu destino.

Além disso, não deixe o veículo estacionado atrás, ou na frente, de veículos maiores, como caminhões. Isso pode ser um esconderijo de bandidos.

4. Dê uma Volta ao Redor da sua Casa

Ao chegar em sua casa, antes de entrar na residência, dê uma volta na quadra para ver se tem alguém suspeito.

Caso veja alguém suspeito, é melhor evitar o perigo e dar mais uma volta na região até se sentir seguro para abrir o portão.

5. Segurança Pessoal: Atenção ao Entrar no Carro

Não importa o local em que estacionou o veículo, fique sempre atento ao redor.

Muitos casos de assaltos são registrados quando o motorista pega a chave do veículo e, por um momento de distração, os bandidos aproveitam para atacar.

É recomendado sair do local em que você estava já com a chave na mão, especialmente no caso de mulheres que costumam guardá-la na bolsa, demorando assim para encontrá-la. Em caso de qualquer suspeita ao redor, vá até a um local seguro.

6. Não Divulgue seu Dia a Dia

familiaSão muitos os perigos das redes sociais, especialmente se você tem a mania de compartilhar o seu dia a dia. Policie-se com essa prática.

Caso não consiga ficar sem se divulgar na internet, informe determinado passeio ou viagem após seu retorno. Lembre-se de que podem existir muitas pessoas mal-intencionadas entre os seus contatos.

7. Conte com Monitoramento Eletrônico

Considere instalar um monitoramento eletrônico para contar com serviço de vigilância privada.

Muitos serviços oferecem o controle pelo celular. Ou seja, você pode observar o seu imóvel, e ao redor dele, antes de chegar à residência.

8. Dificulte o Acesso a seus Dados Pessoais

Para proteger seus dados pessoais e de toda a sua família, não utilize senhas fáceis, tanto que podem ser reproduzidas ou que se relacionem com você.

Além disso, considere clicar sempre em “Sair”, “Logout”, “Desconectar” ou outros e não fechar a tela sem sair completamente do e-mail, redes sociais e outros, especialmente nos dispositivos móveis.

Lembre-se de que as pessoas podem acessar seu celular, por isso você precisa protegê-lo.

9. Oriente seus Familiares na Segurança Pessoal

Oriente seus familiares a não comentar seus hábitos e nem a informar dados pessoais. Entre eles, endereço, horários, viagens, empresa que trabalha/escola.

Além disso, instrua-os a destruir extrato bancários e contas antes de jogá-los no lixo. Outra coisa muito importante é não utilizar adesivos ou outros sinais que identifiquem o local de estudo/residência/trabalho.

Seguindo essas dicas de segurança pessoal, você e a sua família ficam mais protegidas.