Como Fazer Vinagre Caseiro, Tinto ou Branco

Escrito por

É possível fazer vinagre tinto ou branco em casa, até mesmo com sobras de vinho: o paladar é mais autêntico, é mais fácil controlar sua qualidade e ainda é possível aromatizá-lo a gosto.

Vinagres de vinhos tintos servem aos pratos que normalmente se degustaria com vinho da mesma cor, como carnes; já os brancos servem melhor as receitas mais suaves.

A regra de ouro para um bom resultado de vinagre caseiro é a qualidade do vinho que se escolherá, assim como a qualidade da madre do vinagre.

E é importante notar que vinagres levam tempo para ficarem prontos – não é de um dia para o outro.

A receita abaixo, por exemplo, leva cerca de dois meses para ficar pronta. Ou até mais, se o seu paladar for exigente.

Vinagre Caseiro: Ingredientes

A receita a seguir serve tanto para a produção de vinagre tinto como de vinagre branco: basta apenas utilizar o vinho correspondente.

  • Vinho seco (podem ser sobras) não doce
  • 1 madre (ou mãe) de vinagre
  • 1 recipiente de vidro com capacidade para 1 litro (jamais use de metal), com boca mais larga
  • 1 pano para tampar o recipiente (para impedir a entrada de poeira e insetos)
  • Barbante ou elástico
  • 1 garrafa para colocar o vinagre pronto

Modo de Preparo do Vinagre Caseiro

vinagre tintoColoque o vinho no recipiente até a metade. Nunca até a borda, já que a mistura precisará de oxigênio para realizar fermentação.

Junte a madre. Trata-se de uma substância gelatinosa, não muito fácil de encontrar para comprar. Veja a receita caseira para madre abaixo.

Misture bem e cubra a boca do recipiente com o pano. amarre com barbante ou com elástico. Deixe descansar num local protegido em temperatura média ambiente (cerca de 25 graus).

Lugares mais frios que isso tendem a retardar o efeito final da reação.

Dez dias depois, será possível verificar a formação da madre na superfície, o que é normal: isso ocorre porque o oxigênio está sendo absorvido e transmutando o álcool em ácido.

Caso a madre acabar descendo para o fundo do vidro, ficará inativa. Então, será preciso esperar mais um pouco até que uma nova madre se forme novamente na superfície.

Cerca de dois meses depois seu vinagre estará pronto.

Você saberá por meio do cheiro: se ele for parecido com o odor habitual de um vinagre comercial, bem ácido e nada doce, estará no ponto. Se decidir esperar mais, o vinagre tende a se tornar progressivamente mais ácido.

Então, bastará mexer o recipiente e separar a madre do resto do líquido enquanto o despeja na garrafa definitiva. Jamais use coadores ou filtros de metal, para não reagir com o vinagre.

Você poderá separar a madre para reutilizar no preparo de um novo vinagre caseiro.

Manipulando o Sabor do Vinagre Caseiro

mãe do vinagreSe, após todos esses passos, achar que o vinagre ainda possui álcool além da conta, ferva-o. Isso também ajudará a assegurar a esterilidade do líquido, além de concentrar um pouco mais o sabor. No entanto, não o deixará mais ácido.

O gradual envelhecimento do vinagre também trará mais complexidade ao seu sabor.

Outra forma de torná-lo mais interessante é utilizar frutos, especiarias ou ervas no recipiente: cravinho, alecrim e tomilho são ótimos para vinagre tinto, enquanto hortelã, maça e coentro o são para vinagre branco.

Como Fazer a Mãe do Vinagre (Madre)

Coloque 250ml de vinho tinto (ou branco) num recipiente de vidro de boca larga com capacidade para 5 litros. Adicione 250ml de vinagre, de preferência orgânico, e 1,5 litro de água.

Misture bem. Tampe com um pedaço de tule e amarre com barbante ou elástico. Deixe repousar em temperatura ambiente e longe da luz. Mexa uma vez ao dia.

Em um mês a mãe do vinagre, uma camada gelatinosa, estará formada.