Como escolher o colchão?

Escrito por

 Colchão MUITO MACIO

Um colchão muito macio pode ocasionar curvas ou distorções na superfície, promovendo um desalinho da coluna vertebral.
A tensão viciosa que o músculo da área cervical, dorsal, lombar e glútea faz para restaurar a posição natural da coluna durante o período do sono, deixa a musculatura tensa, produz o desconforto e a dor pela manhã, agravando problemas de postura.

 Colchão MOLE

Porque o colchão não deve ser muito mole?
Só é confortável momentaneamente, durante o decorrer do sono, não sustenta os músculos que suportam a coluna, comprimindo-os de um lado e distendendo-os de outro.

 Colchão DURO

Porque o colchão não deve ser muito duro?
Dificulta o relaxamento do corpo pois exerce pressão sobre a pele e os músculos, prejudica a circulação sanguínea, causando caimbras e formigamentos.

Colchão MUITO DURO

Aquele modelo bem duro, que não se adapta às curvas da coluna, deve ser evitado, pois cria pontos incômodos de pressão em seus ombros e quadris.
Vale salientar que um mau posicionamento ou movimento inadequado dos ossos, pode causar o mau funcionamento dos tecidos e órgãos por todo o corpo.

Colchão CERTO

Colchão certo, travesseiro idem, sono certo.

O melhor colchão: firme, nem duro demais, nem “mole” demais…
Todas as curvas do corpo deve ter apoio e a coluna ficar reta, sem ser forçada.

Se usarmos um colchão muito duro você pode “entortar” a coluna e machucar os quadris,os ombros e as coxas.
Seus músculos ficam tensos, quando eles deveriam descansar.

Se usarmos um colchão muito mole não dá sustentação correta para as partes mais pesadas do corpo, como quadris, coxas e ombros.
Ao invés de molda-los, ele os afunda seriamente a coluna.

Colchão IDEAL

O colchão ideal é aquele no qual a coluna se molda na posição correta, e sustenta corretamente o peso do seu corpo, proporcionando descanso.

Deite sempre de decúbito dorsal horizontal (de barriga para cima) ou em decúbito lateral (de lado). Evite deitar-se de bruços, nesta posição a coluna fica sem apoio e torna-se dolorosa.

Ao deitar-se de barriga para cima, use travesseiro fino; ao deitar-se de lado, use travesseiro médio, preenchendo o espaço entre a cama e a orelha, de modo que o pescoço fique alinhado com o tronco.

Como sei se está na hora de trocar o meu colchão ?

Um colchão dura em média 7 anos. Todavia, existe uma variação conforme o tipo de produto e fabricante. Devemos verificar no certificado qual o tempo de uso recomendado.

De qualquer maneira devemos ter a atenção freqüente para a situação do produto. Alguns sinais mostram que está na hora de trocá-lo.

Verificar se existe alguma mancha ou coloração diferente, buracos ou sujeira.

Estar desnivelado, com a densidade muito baixa e desconfortável, mostram também a necessidade da troca.

fontes:Colchoaria Bettoni  –  Probel