Em Caso de Acidente de Carro, O Que Fazer?

Escrito por

Pode acontecer a qualquer um ter que parar os compromissos porque se envolveu em um acidente de carro.

Saiba as providências mais imediatas e importantes a se tomar nestas horas.

Chame a polícia militar – 190

A primeira providência a se tomar em caso de batida é chamar a Polícia Militar (tel.190) para fazer o Boletim de ocorrência do Acidente de Transito.
Este documento é o que comprova legalmente o acidente, fundamental em caso de processos judiciais, assim como para ser apresentado junto a seguradoras de veículos.

Na maioria dos estados brasileiros, já é possível registrar um Boletim de Ocorrencia de Acidente de forma eletrônica, ou seja, por um canal da internet.
Seja um acidente sem vítimas ou com vítimas é importante estar de posse de um Boletim de ocorrência.

Nunca fuja do local. Isto só irá agravar sua situação.

Acidente de carro sem vítimas – o que fazer

Caso você não seja o culpado, anote a placa do carro assim como marca do veículo.

Com seu telefone celular, tire fotos com detalhes da batida.
Detalhes do acidente, localização dos carros na rua, detalhes da situação do transito, placas sinalizadoras,pessoas envolvidas.

Feito isto, não deixe os carros obstruindo o transito pois poderá incorrer em infração grave com multa.
Se possível, retire o seu carro da via de circulação, para aguardar com calma a chegada da polícia militar.

Em algumas situações a Polícia Militar pode solicitar que os motoristas envolvidos se dirijam ao Posto mais próximo para registrar o acontecido.

Acidente de carro com vítimas – o que fazer

Se houver vítimas, é preciso fazer uma perícia do local.

bombeiros em acidente de carro

Será necessário ligar também para o Corpo de Bombeiros (tel 193).
Enquanto o socorro não chega, deve-se evitar mexer nas pessoas feridas para não agravar as possíveis lesões.

Os veículos devem ficar no local onde houve o acidente.
Ligue o pisca alerta e coloque o triangulo em distancia segura para avisar aos motoristas de um impedimento da pista

Mesmo que haja acordo entre os envolvidos na batida, um inquérito policial será aberto para averiguar de quem foi a culpa, para subsidiar um eventual processo criminal.

Acordos entre motoristas

Muitas vezes, os motoristas preferem fazer um acordo informal antes da chegada da polícia, mas há um risco.
Se, depois, uma das partes decidir não cumprir o trato, o outro não tem como provar que aconteceu a batida e sai no prejuízo.

Mesmo se todos os ocupantes dos carros estiverem bem, procure testemunhas.
Se o outro envolvido não quiser encontrar uma solução amigável para o conserto dos veículos, as testemunhas podem ser fundamentais para uma briga na Justiça e indenização.

Entre em contato com a empresa seguradora

Para quem tem veículo com seguro, outra providência que deve ser tomada é entrar em contato com a empresa seguradora.
Os atendentes vão orientar qual o procedimento a tomar e, se necessário, vão providenciar o serviço de reboque para resgatar o automóvel.

É necessário conhecer qual o tipo do seu seguro</a> e quais os danos cobertos pelo seu plano.
Se, além do seu próprio carro, você está coberto por danos materiais e pessoais de terceiros, e qual o valor.
Pode ser que o seguro cubra somente parte dos danos de um e de outro.

acidente de carro

Estar com o IPVA atrasado ou a carteira de habilitação vencida no momento da batida não costuma dar problema para o uso do seguro, mas são infrações passíveis de multa e até apreensão do veículo pela polícia.

Se, após a batida, o carro ficar irrecuperável, é importante que o proprietário, ou a seguradora, dê baixa no Detran do registro do veículo na base de dados estadual e na Base Índice Nacional (BIN).