Bagagem Aérea Extraviada, Danificada ou Violada: O Que Fazer

Escrito por

Tudo o que mais desejamos numa viagem é que a bagagem aérea despachada chegue conforme o previsto e em perfeito estado. Mas apesar dos cuidados das companhias de aviação comercial, extravios e danos ainda podem acontecer. Descubra agora o que você deve fazer nesses casos.

Bagagem Aérea Extraviada: Como Proceder

Você esperou, esperou e a sua bagagem aérea não apareceu na esteira para ser retirada. Ou seja: ela foi extraviada. Foi parar em outro lugar desconhecido.

Você deve procurar a empresa aérea imediatamente. Junto a ela fará um comunicado por escrito, o protesto, ou Registro de Irregularidade de Bagagem (RIB). Sem isso o passageiro não poderá reclamá-la de volta.

bagagem aéreaNesse momento deverá apresentar o comprovante de despacho da mala e designar um endereço para ser entregue ao passageiro. A empresa aérea não pode exigir que a bagagem seja devolvida ao passageiro no aeroporto.

Em caso de vôos nacionais sua bagagem deverá ser devolvida num prazo máximo de sete dias. Nos internacionais, 21 dias. Caso ela não seja entregue de volta para você dentro desses períodos, terá direito a uma indenização.

Esse valor poderá variar mas em geral corresponde a R$5.000,00 (1.131 Direitos Especiais de Saque, ou DES).

Quando a bagagem é extraviada o passageiro também tem direito a ressarcimento de suas eventuais despesas. Ele acontecerá em até uma semana a partir da apresentação dos comprovantes das mesmas.

Ainda assim a empresa aérea poderá definir o valor diário de cobertura das despesas. E elas poderão ser deduzidas do valor final da indenização de R$5.000,00.

Bagagem Danificada ou Violada

bagagem aéreaEpisódios de danos ou violação de bagagens também devem ser reportados à companhia aérea por meio de formulário fornecido pela empresa.

O prazo é de até sete dias do recebimento das malas, tanto em vôos nacionais quanto internacionais. Mas o ideal é que as providências sejam tomadas ainda na sala de desembarque.

Quando a bagagem está avariada, o passageiro tem direito à sua substituição. Violação dá direito a indenização, mas também é altamente recomendado que o fato seja registrado junto à polícia.

Por isso é importante declarar objetos de valor antes de embarcar. E levá-los na mala de mão.