Jardim de Beira Mar: O Que Plantar

Escrito por

Você tem – ou mora numa – casa de praia: é o sonho de muita gente!

Aproveite para escolher lindas herbáceas para compor jardins à beira mar.

Também é preciso escolher as árvores, as palmeiras e os arbustos para colocar no paisagismo de áreas próximas ao litoral.

Este tipo de planta estabelece a forma de apresentação do jardim, com plantas estruturais, sempre verdes ou de folhagem colorida.

A adição então de plantas herbáceas preencherá os vazios, dando uma aparência e finalização ao projeto.

Herbáceas para Jardins em Áreas de Ventos Constantes

Conforme a localização deste jardim, poderemos ter climas muito amenos, quentes, como é o caso dos jardins de nordeste e norte.

agave dragão

Agave

Mas também poderemos ter climas ásperos, de ventos constantes, que castigam as folhas, queimando e desfolhando as mais delicadas.

Plantas xerófitas, isto é, aquelas que têm resistência a condições adversas de calor ou frio, sol forte e pouca água, poderão ser utilizadas.

São adaptadas a este tipo de ambiente.

Poderemos usar assim os agaves (Agave angustifolia) e os aloés (Aloe arborescens) formando belos conjuntos.

Em regiões onde as pedras fazem parte do paisagismo natural, como é o caso da região Sudeste e Leste, a colocação estratégica destas plantas tornará o jardim de beira mar muito interessante.

Usar como cobertura vegetal, dando nota colorida, algumas plantas perfeitas para áreas salinas, como a petúnia (Petunia sp.) e a verbena (Verbena sp.).

Incluir as floridas nas áreas pedregosas dará nota viva à rocha.

Jardim de Beira Mar: Herbáceas em Áreas Litorâneas de Clima Ameno e Pouco Vento

Mas, e as áreas onde o clima é ameno e quente e o vento do mar é mais uma brisa, formando verdadeiro paraíso tropical?

Estas plantas citadas também podem ser usadas, mas propomos a colocação de outras, como as da família da bananeira, como é o caso das helicônias (Heliconia) strelitzias (Strelitzia).

dinheirinho ou brilhantina

Brilhantina

Para usar também formas diferentes, o fórmio (Phormium) com suas longas coloridas folhas formarão belo conjunto sobre gramados extensos.

Os acabamentos poderão ficar com o verde-intenso do dinheirinho (Pilea microphylla) e áreas mais sombreadas com a brilhantina (Pilea cadierei).

Também como acabamento de áreas junto a árvores, a adição de bromélias será de belo efeito.

Todas as plantas são simples de cuidar e apenas as petúnias necessitarão de substituição após o fim de seu ciclo.