Como Desidratar Manjericão e Louro

Escrito por

Quando cultivamos ervas e condimentos na nossa horta podemos obter grande volume de produto. Para evitar desperdício, doamos a amigos e parentes. Mas poderemos usar métodos de conservação para usar durante o ano, enquanto nova produção está sendo desenvolvida. Escolhemos, entre as ervas aromáticas, o manjericão e o louro, ambos usados em pratos salgados muito comuns na cozinha brasileira.

Como Desidratar Folhas de Manjericão

manjericãoSeu nome botânico é Ocimum basilicum e também é conhecido como “alfavaca” e “basílico”.

Muito utilizado em receitas de origem italiana, encontra-se incorporado ao costume brasileiro para condimentar diversos tipos de pratos.

Suas folhas podem ser verdes ou cor de vinho, pequenas ou grandes, com perfume intenso.

Ao secar, parte deste aroma é perdido, já que possui elementos voláteis, percebidos facilmente ao tocarmos nas folhas.

Desenvolve boa massa vegetal ao ser cultivado. Para estocarmos, devemos proceder à colheita e secagem das folhas e pendão floral.

Veja os passos a seguir.

A melhor época da colheita das folhas

A melhor época de colher as folhas para secar é logo após a emissão do pendão floral, quando há maior teor de óleo essencial na planta e, portanto, maior odor.

Não colher folhas úmidas ou molhadas

Não colher muito cedo de manhã, evitando o sereno nas folhas e flores; ou logo após uma chuva, quando a umidade nas partes e dentro dos tecidos dificultarão a secagem.

Esta umidade dentro dos tecidos dilui os princípios aromáticos que desejamos utilizar. Portanto o ideal é um tempo seco e ensolarado, sem muita umidade no ar.

Colher as folhas com tesoura ou podão

manjericãoPara colher, utilizar uma tesoura ou podão limpo, retirando partes sadias e bem desenvolvidas. Evite folhas com sintomas de fungos ou atacadas por insetos ou lesmas.

Um cuidado ao colher é a preservação da planta: não retire completamente ramos e folhas, pois ela necessita crescer novamente .

Para isto, deixar algumas gemas em cada ramo, de modo que possa novamente desenvolver massa vegetativa para nova produção.

Proteja as folhas de manjericão na colheita

Ao colher, colocar num cesto com um tecido por cima, pois será necessária a separação do material.

O sol desidrata rapidamente as folhas, acelerando a fotodecomposição das mesmas. Isso pode gerar a perda da cor, sabor e odor. Pilhas muito grandes compactam as folhas e também aceleram a decomposição.

Separe o talo do manjericão das folhas grandes

Ao preparar para secar folhas, deveremos deixar os talos, pois isso facilita o manuseio do material. Mas no caso do manjericão de folhas grandes o melhor é separá-las para facilitar a secagem e estocagem.

Seque as folhas sobre papel toalha em local coberto

manjericão

 

Deixar sobre papel toalha em travessas ou peneiras, em local sem sol, vento ou chuva. Cobrir com tecido fino poderá preservar o material do ataque de insetos.

Aproveite também os pendões florais do manjericão

Os pendões florais do manjericão também possuem propriedades desejáveis como odor e sabor – além de um leve toque que lembra a pimenta.

Eles devem ser separados das folhas na hora da secagem, deixando sobre papel toalha em local à sombra.

Após a secagem, triturar de leve com os dedos e guardar em vidros com tampa.

Secagem com desidratador

A secagem do manjericão também poderá ser acelerada se usarmos um desidratador com ventilador: o ar passa através de bandejas plásticas teladas que podem ser usadas não somente para ervas mas também para frutas, como maçãs e laranjas fatiadas.

O manjericão desidratado pode ser usado para temperar molhos e pizzas.

Como Desidratar Folhas de Louro

O loureiro (Laurus nobilis) é uma árvore de folhas aromáticas usadas para condimentar receitas salgadas.

Podemos adquirir folhas já secas em supermercados e feiras de hortaliças ou podemos cultivar uma muda no nosso jardim.

louroDesidratar as folhas e estocar na cozinha é muito simples: basta colher alguns ramos e colocar à sombra sobre uma superfície limpa. Com o passar do tempo ele perde a água e muda a cor da folha para um verde menos intenso.

Não perde suas propriedades aromáticas, pois o óleo tem poucos elementos voláteis.

Quando estiver seco, retirar as folhas do ramos e acondicionar em vidro limpo e seco com tampa.

Outro modo de usar os ramos do loureiro é cortar um ramo pequeno, ou somente as folhas, colocando mesmo sem secar entre livros nas prateleiras, dentro de armários de roupas ou de cozinha.

É repelente de traças e, mesmo não perfumando o ambiente, tem ação comprovada.