Begônia preta (Begonia boveri)

Escrito por

Nome Técnico: Begonia boveri Ziesenh

Nomes Populares : begônia–preta, begônia-cleópatra

Família : Família Begoniaceae

Origem:  Originária da América Central

Begônia preta (Begonia boveri) – Descrição:

begonia_preta

Planta herbácea perene rizomatosa de caule e rizoma suculento, folhas cordadas de cor escura na página superior e mais claras na inferior, com aparência aveludada.

As flores são pequenas e rosadas, surgindo no final da primavera e esporádicas durante o ano.

São muito ornamentais, mas a planta é cultivada mais pela sua folhagem decorativa.

Pode ser cultivada em todo o país, especialmente os de clima mais quente, pois ela não tolera bem geadas nem ventos frios.

Técnica de Cultivo:

Local à meia sombra e para interiores com boa iluminação.

Seu cultivo pode ser feito em vasos ou jardineiras, que deverão receber brita e areia ou então manta acrílica que servem para não entupir de terra os furos de drenagem.

– O substrato de cultivo deverá ser rico em matéria orgânica.

Composto orgânico de folhas completo com a adição de adubo granulado NPK formulação 10-10-10,cerca de 1 colher de sopa por vaso, bem misturado ao composto.

Regar após o plantio.

Cuidados nas regas, pois excesso de água tende a apodrecer o rizoma.

– A propagação de begônias pode ser feito por separação de rizomas, conservando pelo menos 3 folhas, por sementes e por estaca de folhas.
A melhor época de fazer mudas é após a floração.

Begônia preta (Begonia boveri) propagação

Begônia preta (Begonia boveri) propagação

Retirar parte do rizoma que fica à superfície do substrato, cortando sem danificar a planta.

Colocar em substrato semelhante ao do plantio cobrindo com plástico para evitar a perda da umidade, conservando por pelo menos uma semana.

Somente transplantar quando notar o crescimento de novas folhas.

Para sementes, deixar o pendão floral secar as flores, retirar com cuidado as sementes e semear em terra com areia ou pó de coco, mantendo úmido e protegido com plástico.

Somente transplantar quando a muda tiver pelo menos 10 cm, plantando em vasos preparados da mesma forma que já foi explicado antes.

Para propagar por folhas, retira-se folha de idade média, nem velha nem muito nova.

Manter um pedaço do pecíolo para que ela fique mais bem fixada no substrato.

Com um estilete limpo em álcool, dar pequenos cortes nas nervuras principais.

Colocar sobre o substrato, fixando com palitos, para que fique bem aderente.

Manter a umidade do substrato e proteger com plástico, até que notar a emissão de folhinhas.

Esperar até que tenha tamanho suficiente para manusear e transplante para vasos com o substrato semelhante ao que já foi comentado neste artigo.

Begônia preta (Begonia boveri) – Paisagismo:

E uma planta fácil de cuidar, prestando-se para cultivo em áreas e sacadas sem sol direto e para interiores com boa iluminação.

Sua folhagem escura contrasta com ambientes e móveis claros.