Limpeza de Pele: Benefícios e Novidades

Escrito por

 

A limpeza de pele é indicada para a remoção de cravos, pontos sebáceos e das células mortas do rosto, contribuindo para um aspecto mais luminoso e saudável.

A oleosidade é diminuída e a pele fica mais macia e uniforme.

Informe-se sobre bons esteticistas, com cursos profissionalizantes; fisioterapeutas com formação dermatofuncional; ou dermatologistas para realizar a limpeza de pele com o máximo de eficiência, higiene e segurança.

Lembre-se: a pele é o maior órgão do corpo humano!

A Limpeza de Pele É Indicada para Todo Mundo?

tratamento facialPessoas com pele muito sensíveis devem evitar a limpeza de pele, pois podem avermelhar, descamar ou apresentar alergias com facilidade.

Além disso, se o seu problema são as espinhas, é melhor procurar outra forma de resolver: sua extração pode acabar deixando cicatrizes – sem contar com a possibilidade de, se mal sucedida, acabar agravando o estado da acne e espalhando as bactérias pelo rosto.

A alternativa para as tradicionais pomadas secativas e medicamentos orais para terminar com as espinhas são sessões com luzes LED, que devem ser feitas toda semana para controlar a produção de gordura pela pele.

O tratamento estético com LED também tem ação secativa, reduzindo as inflamações.

Outra opção é a realização de peeling de ácido salicílico.

Periodicidade Ideal para a Limpeza de Pele

O ciclo de renovação da pele é de 28 dias. Portanto, os dermatologistas recomendam que o tempo médio de retorno para a realização de nova limpeza de pele seja de 30 a 40 dias.

Se o caso de cravos é severo, recomenda-se o retorno de 15 em 15 dias – e então de 30 a 40 dias após normalizar o quadro.

Lembre-se de que a limpeza ajuda a controlar a oleosidade da pele; portanto é importante continuar realizando-a mesmo após a remoção completa das impurezas.

A Limpeza é Indicada para Todos os Tipos de Pele?

mascara facialSim. Tanto peles secas, mistas, normais como as oleosas podem se beneficiar, de alguma forma, de uma sessão – afinal, limpar a pele não significa apenas retirar cravos, mas também remover células mortas e equilibrar a textura.

A pele seca acaba ficando mais hidratada e menos sujeita a rugas precoces, por exemplo.

No entanto quem tem a pele mais oleosa deverá levar essa rotina de beleza mais à sério.

Gestantes podem fazer limpeza de pele – mas deverão evitar produtos à base de ácidos.

Limpeza de Pele: Cuidado com o Sol

A limpeza de pele pode ser realizada em qualquer época do ano.

A única recomendação, contudo, é que a pessoa não se exponha ao sol nos quatro dias subsequentes à sessão: a exfoliação acaba afinando muito a pele, sujeitando-a ao risco de manchas solares.

A visita ao esteticista pode ser especialmente proveitosa durante ou logo após o verão, pois o uso excessivo de protetor solar poderá provocar mais cravos.

Novas Tecnologias em Limpeza de Pele

O mercado já oferece a chamada limpeza de pele 3D, também conhecido como peeling ultrassônico, onde uma espátula vibratória extrai os cravos.

A exfoliação promovida é leve, eficiente e indolor e, além de retirar as impurezas, estimula a pele, tornando-a mais receptiva a outros tratamentos e produtos.

Um desses “outros tratamentos” pode ser o lifting com luvas que emitem corrente elétrica capaz de estimular o sistema linfático, seguido por loções calmantes.

Isso diminui edemas da pele, deixando-a mais viçosa e firme.

As já citadas luzes LED também entram como novidade no tratamento estético da pele: feixes azuis e vermelhos possuem efeito antiinflamatório acelerador da cicatrização de processos de extração de cravos e na produção de colágeno.

Os feixes azuis também são capazes de clarear manchas solares e até mesmo reduzir olheiras.