PREGOS – características, tipos e medidas!

Escrito por

 – Prego Galvanizado

 

Aplicações:   Móveis especiais; bricolagem; adornos; molduras e fixação externa em construção civil.

Benefícios: Resistência à corrosão; estética; maior durabilidade e maior segurança na fixação.

- Prego Telheiro

Aplicações: Telhas de fibrocimento; aço; alumínio; folha de zinco com espessura até 5 mm e pequenas ondas até 39 mm sobre estrutura de madeira.

Benefícios: Mais pregos por quilo – a melhor relação custo x benefício do mercado. Cabeça soldada – evita vazamento; 100% galvanizado – protege contra a corrosão; borracha flexível – não resseca com a ação do tempo; prego esperalado – segura sua telha como nenhum outro.

- Prego para Taco

Aplicações: Fixação de tacos (assoalho) e fixação de batentes.

Benefícios: O formato da cabeça permite maior fixação do prego ao assoalho.

- Prego Anelado

Aplicações: Madeiras de menor densidade (macias); caixotaria em geral; pallets; embalagens e móveis.

Benefícios: Excepcional resistência ao arrancamento; melhor adaptação à fibra de madeira e permite utilizar menor número de pregos.

- Prego Ardox

Aplicações: Madeiras de maior densidade (duras); pallets; embalagens e suportes de madeiras.

Benefícios: Melhor conexão da madeira; fácil penetração; resistência ao arrancamento; melhor relação custo x benefício e excelente poder de perfuração.

- Prego Quadrado

Aplicações: Casco de embarcações; acabamento interno de embarcações; mata-burros e decks de piscinas.

Benefícios: Formato quadrado – não permite que a madeira “trabalhe” e se solte; galvanizado a fogo – maior proteção contra corrosão.

Bateprego

 

 

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: Dendroica cerulea