Manutenção para o bom funcionamento das calhas

Escrito por

Fazendo a água fluir…

A segurança:

Antes de começar qualquer trabalho de verificação e limpeza dos condutores de água do seu telhado, pense em sua segurança.

Na qualidade da escada e a inclinação correta.

Não trabalhe descalço ou de havaianas.

Não trabalhe sozinho.

Não faça este serviço em dias de chuva ou com o telhado molhado.

Use luvas.

Um ponto capital para o bom funcionamento das calhas:

O ponto importante a ser verificado é o do número de condutores, que irão deixar a água vazar.

Em geral, estima-se que deve haver pelo menos um condutor para cada 70 metros quadrados de telhado.

Quando inspecionar a sua calha?

O melhor momento para inspecionar sua calha é durante uma chuva forte. Nao suba no telhado!

Verifique por baixo como está o fluxo de água nos dutos:se ela não estiver sendo corretamente drenada, a calha pode estar parcialmente obstruída por detritos ou a calha tem problemas estruturais.

Verifique também a existência de goteiras na casa ou forro.

Quando limpar sua calha?

Manter as calhas desobstruídas é muito importante.
A operação deve ser feita a cada estação do ano e, mais freqüentemente, se a casa estiver perto ou embaixo de arvores.

Como prevenir entupimentos por folhas?

– Quase todos os fabricantes, tem um ralo, que instalado na calha com descida(bocal),
grelha-calha

impede a entrada de folha nos tubos, permitindo porém, o fluxo contínuo de água pelos tubos de descida.

Calhas de aluminio são adequadas para regiões à beira-mar ou com alta salinidade?

– Sim, a pintura que o produto recebe passa por testes de salt-spray(teste de salinidade), garantindo resistência para regiões com alta salinidade.
calhas pluviais - parte da calha

Como é feita a junção de um tubo de descida com o outro ou dos tubos com as curvas?

– Os tubos de descida possuem na extremidade um afunilamento para que encaixem um por dentro do outro ou por dentro da curva.

As curvas possuem um lado mais fechado que o outro, permitindo que sejam encaixadas por dentro do tubo ou por dentro da próxima curva.

O encaixe sempre deve obedecer o percurso da água, ou seja, a curva de cima por dentro do tubo que vem logo abaixo, o tubo por dentro do próximo tubo, etc.