Interruptores elétricos, como funcionam?

Escrito por


Interruptor  –  É o nome genérico para aqueles dispositivos simples mas extremamente úteis, que ligam ou desligam um circuito elétrico.

São usadas nas entradas de rede, em pontos intermediários, nas entradas de aparelhos e máquinas, ou melhor, em tudo onde se faz necessária a ligação ou o desligamento da energia elétrica.

DEFINIÇÃO: que ou o que interrompe; dispositivo adequado para abrir ou fechar um circuito eléctrico.

O interruptor nada mais é do que um aparelho que, ligado a um circuito eléctrico, tem como função não somente interferir na circulação como também na distribuição de energia. Colocado geralmente numa parede, funciona quando um toque de dedo muda a posição da tecla.

A distribuição dos fios até esses pontos requer estudo minucioso das necessidades da casa para evitar que no futuro fiquem sobrecarregados e incentivem o uso de “extensões”.

Uma dica é sempre disponibilizar mais tomadas que o mínimo obrigatório.

Não se deve usar tomadas em equipamentos de grande potência, como é o caso de chuveiros e torneiras elétricas.
Estes equipamentos devem ser interligados por conectores especiais.

Cordões paralelos ou torcidos: embora proibidos pela norma, são muito comuns no Brasil e empregados nos rodapés com braçadeiras plásticas.
Este segundo acessório, que leva dois preguinhos, é capaz de fazer um grande estrago caso um desses pregos atinja o fio.

 Inicialmente, são necessárias algumas informações fundamentais para orientar o dimensionamento do interruptor

Tipo de atuador:

Definir se deve ser tipo tecla, alavanca, gatilho, tipo push-button, etc

- Funções a serem desempenhadas pelo interruptor:

Ligar e desligar, pulsar, inverter, etc

- Número de pólos necessário:

1, 2, 3 ou mais (quantos “fios” o interruptor deve “cortar” por vez)

- Características especiais:

Se necessita por exemplo de tecla iluminada.

Obs: Não esqueça que eletricidade sem conhecimento especifico é uma coisa perigosa.
Um serviço mal feito, desrespeitando por exemplo as normas das grossuras (bitolas) que os fios devem ter ou a qualidade das conexões que estes fios devem usar para se conetarem no minimo podem provocar um incendio !!!
Antes de executar qualquer procedimento, consulte sempre um profissional qualificado

fontes: ProCobre   /   Prime