Como Escolher o Vidro Temperado

Escrito por

 

Vidros temperados são extremamente versáteis: podem ser empregados não apenas nas janelas como também em paredes, divisórias, portas… estão presentes em salas, cozinhas, quartos, banheiros e varandas.

Aproveitam a claridade do ambiente, potencializando tanto a luz do dia quanto a iluminação artificial da casa.

Um de seus maiores trunfos é sua resistência: são fortes e, se atingidos com muita força, estilhaça sem pontas, diminuindo o risco de gerar ferimentos.

Por serem considerados vidros de segurança, também são bastante utilizados na indústria automotiva (como nas janelas laterais e traseiras de automóveis), na construção civil e em objetos de cozinha, como panelas, prateleiras de geladeiras, pratos e copos.

São relativamente fáceis de limpar – e a grande variedade de fornecedores faz com que os preços sejam competitivos e a diversidade de tons e transparências seja maior.

Características do Vidro Temperado

janelas vidroO vidro temperado é fabricado a partir do vidro comum; portanto, resguarda as mesmas características de coloração e transparência.

É submetido a um forno de têmpera que chega a 700 graus centígrados; em seguida, através de jatos de ar, sofre um resfriamento rápido que garante sua resistência em caso de impacto – cerca de cinco vezes maior que a de um vidro comum.

Por conta disso, uma vez feito, ele não pode sofrer nenhuma modificação, como cortes, lapidações ou furos; portanto, especificidades como essas devem ser projetadas antes do vidro ir incorrer no processo de têmpora.

Qualquer tentativa de modificá-lo depois de pronto resultará em seu estilhaçamento completo.

O vidro temperado resiste a peso, choques – físico ou térmico (suporta variações até 200 graus centígrados) e torções.

Em geral as chapas tem de 4 a 15mm de espessura.

A ABNT- Associação Brasileira de Normas Técnicas possui regras específicas para a fabricação do vidro temperado, assegurando suas características de resistência e segurança, além da espessura correta para cada projeto de arquitetura, decoração ou design.

Guarda-corpo de escadarias, por exemplo, devem possuir chapas de vidro de 8mm se forem emoldurados por uma estrutura metálica; se não possuírem a moldura, deve ser composto por duas placas de vidro de 10mm.

Já um tampo de mesa de jantar deve ter 10mm.

Vidro Temperado Serigrafado

É feito adicionando esmalte cerâmico junto ao vidro comum e apenas então sofrendo a ação do forno de têmpera. O efeito é bastante uniforme.

Como o esmalte aplicado à chapa lhe rende um visual mais opaco, o vidro temperado serigrafado oferece alguma privacidade, podendo ser de ótima valia para determinados projetos de decoração.

Eles também são mais resistentes a materiais abrasivos e ao atrito de objetos pontiagudos.

Cores do Vidro Temperado

vidros temperados

Além do incolor básico, o vidro temperado pode ser encontrado em tons de bronze, fumê (cinza), marrom, azul e verde.

Fantasia (com motivos impressos) e reflexivos podem ser encontrados junto a fabricantes especializados.

O tratamento colorido do vidro temperado também funciona como proteção solar, mantendo o equilíbrio térmico do interior do ambiente.

A única recomendação é que se observe o efeito da coloração do vidro no espaço, pois poderá interferir nos tons da decoração ou deixar o ambiente mais escuro que o desejável.

Uso do Vidro Temperado na Decoração

Vidros temperados são amplamente usados no ambiente doméstico – e não apenas nas janelas, guarda-corpos e box do banheiro.

mesa vidroPopularmente conhecido como Blindex, o vidro temperado também é utilizado na fabricação de portas para grelhas e lareiras, por exemplo.

Tampos de mesas (ou até mesmo mesas inteiras, dependendo do design), portas, degraus, divisórias, biombos – são muitos os móveis que possuem versões em vidro temperado.

De modo geral, por serem transparentes – mesmo quando coloridos -, eles contribuem para a impressão de amplitude do espaço, criando a ilusão de ser maior do que se materiais convencionais estivessem sendo usados.