EMBOÇO das PAREDES: O que é o emboço e para que serve?

Escrito por

O que é o emboço e para que serve?

O emboço é um revestimento de superfícies utilizado na construção civil, é considerado o corpo do revestimento e suas principais funções são a vedação e regularização da superfície e a proteção da edificação, evitando a penetração de agentes agressivos.

Camada de revestimento em argamassa com a função de regularizar a base.
Propiciando uma superfície que permita receber uma camada de reboco ou de revestimento decorativo (textura, argamassa decorativa, cerâmicas, pintura, etc).

Normalmente constituido de uma mistura de areia, cimento e cal ou saibro , o emboço atua como base para a aplicação do reboco, devendo promover a boa ancoragem com ele e possuir uniformidade de absorção para que haja boa aderência entre as duas camadas.
Dependendo do tipo de acabamento especificado em projeto, o emboço pode se constituir na única camada de revestimento, denominado emboço paulista.

Função do emboço

Servirá de base para assentamentos de azulejos e de cerâmicas, como acabamento de revestimento das paredes.

Iniciado após completa aderência de argamassa das alvenarias e chapisco.

O emboço só deverá ser iniciado depois de embutidas todas as canalizações nas paredes.

A espessura do emboço não deverá ultrapassar a 20 mm.

Deverá ser executado com argamassa 1:2:6 cimento, areia e arenoso.

Emboço mais comum

A espessura deve ser de 1cm a 2,5cm (massa grossa)

- 1 lata de cimento

- 2 latas de cal

- 8 latas de areia média

Rendimento por lata de cimento 17m² de parede

Revestimento

O revestimento de uma parede é constituído por três camadas (chapisco, emboço e reboco)

- O chapisco é necessário para promover a aderência do emboço, evitando que o mesmo se solte.

- O emboço é a camada de regularização da superfície, não devendo ser superior a 2cm.

- O reboco tem pequena espessura, sendo uma camada fina que serve para preparar a superfície par receber o acabamento final, lixamento, tinta base e pintura.

O chapisco serve neste caso para promover uma melhor ligação entre as partes e evitar o descolamento.

Quanto maior for o contato das argamassas com o substrato de superfície rugosa, melhor será a ancoragem, e portanto, uma boa resistência de aderência.