Conexões para Gás de Fogão

Escrito por

À primeira vista todo fogão parece possuir estruturas idênticas. Mas não é bem assim: dependendo do tipo de gás que você utiliza, as conexões para levá-lo até as bocas e o forno podem variar. Saiba qual a conexão certa para o seu caso.

Na hora de montar o seu fogão, todo cuidado é pouco. Descobrir a conexão certa para o seu fogão – e instalá-la corretamente – evitará acidentes graves como vazamentos e explosões.

Entenda mais sobre o assunto e fique seguro na hora de botar seu fogão para funcionar.

Tipos de Gás de Cozinha

A primeira coisa a fazer é saber sobre os diferentes tipos de gás existentes para uso doméstico: o GLP e o GN.

O GN é o gás natural, disponível, por exemplo, no Rio de Janeiro, aonde existe uma grande fonte e uma concessionária totalmente especializada no fornecimento, que é encanado e distribuído.

Lá são vendidos fogões já totalmente adaptados ao gás natural. Caso você esteja vindo de outra localidade para morar numa cidade com esse tipo de fornecimento, será preciso chamar a companhia de gás local para realizar adaptações no fogão. Esse serviço normalmente é gratuito.

O tipo de gás mais comum no Brasil, no entanto, é o GLP, ou gás liquefeito de petróleo. É o famoso gás de botijão, que é 85% ocupado por gás em estado líquido e 15% em estado gasoso. Ele não é tóxico, sendo, portanto, considerado mais seguro.

Ainda assim, todo cuidado é pouco na hora de ligá-lo ao fogão. O GLP pode provocar efeito anestesiante caso seja inalado em grande volume.

Conexões para Fogão à Gás Natural

instalação gásSe a sua cidade oferece gás natural encanado, a sua conexão será uma mangueira de 1,25m de comprimento feita de metal, com espessura de meia polegada.

Ela exigirá uma arruela de vedação e uma pasta para vedar. Fogões com entrada de gás com bico mamadeira exigirão, ainda, um adaptador.

Você deverá rosquear o adaptador à mangueira e utilizar a pasta vedante para selar bem essa conexão. Duas chaves de boca ajudarão a tornar a fixação ainda mais eficiente.

Então, a porca do adaptador deverá ser encaixada na entrada de gás, rosqueando as chaves de boca.

O fornecimento de gás para dentro da casa ou apartamento é controlado por meio de um registro, que deve ser exclusivo para o fogão e estar localizado na própria cozinha, bem visível e de acesso fácil.

Se você desejar modificar o local do fogão, deverá transferir, também, o ponto de saída de gás dentro da cozinha. Para isso será preciso utilizar tubos de aço ou cobre.

Todo o processo de instalação da conexão de gás para o fogão deverá ser feito com o registro fechado. Depois da instalação, passe água e sabão por todas as partes manipuladas e abra o registro de gás. Observe: bolhas serão produzidas em locais aonde estiverem ocorrendo vazamentos.
Feche o registro e ajuste melhor as peças. Repita o processo até que nenhum vazamento seja identificado.

Se preferir, chame um técnico especializado para realizar o procedimento.

Fogões do tipo cooktop necessitam de peças extras para se ligarem à mangueira.

Instalação de Conexão para Fogão à Botijão

Kit para conexão de fogão à gás

A conexão completa para ligar um fogão ao botijão de gás é composta por uma válvula que regula a pressão do gás (de 2,75 kPa), chave de fenda, braçadeiras de metal com parafusos e uma mangueira plástica de PVC.

Esta deverá ter uma tarja amarela e apresentar o selo do Inmetro.

A mangueira poderá ter, no máximo, 1,25m de comprimento – e jamais poderá apresentar emendas. Portanto, tenha atenção ao lugar aonde ficará o fogão e o botijão.

Instale a braçadeira de metal numa ponta do cabo de gás, encaixe a mangueira no local de entrada do gás no forno e aperte-a com uma chave de fenda.
Depois, acople a outra braçadeira na outra ponta, e conecte o tubo no regulador de pressão, apertando a peça. Veja se o registro do regulador está fechado antes de prendê-lo ao botijão. Só então rosqueie-o ao mesmo.

O teste de água e sabão, que identifica possíveis vazamentos, também se aplica aqui.

Dicas de Segurança para Instalação de Fogão

Sempre mantenha uma distância de 10cm entre o fogão e a parede ou móveis próximos a ele. Assim o ar circula com facilidade, evitando aquecimentos acentuados. A tampa do fogão exige no mínimo 65cm de espaço acima dele.

Fiações elétricas e mesmo a mangueira de PVC de fogões à botijão não devem passar pela região traseira do eletrodoméstico. Os fios, inclusive, devem ser aterrados de acordo com a norma NBR 5410.