Viréia (Vireya)

Escrito por

Nome botânico: Rhododendron retusum (Blume) Benn.
Sin.: Vireya retusa Blume

Nome popular: vireia, vireya

Angiospermae – Família Ericaceae

Origem : Ceilão, Indonésia e sudeste da Ásia

Descrição:

Arbusto de folhagem perene, altura entre variável entre 3 até 6,0 metros, copa densa de diâmetro aproximado de entre 3 a 4,0 metros. Ramos lenhosos de cor acinzentada numerosos.

Rhododendron lambianumAs folhas de cor verde-esmeralda têm a forma de colher com a ponta arredondada.

As flores são tubulares, sem perfume, em diversas cores conforme a espécie ou cultivar.
Podem vir em tons de branco ao laranja ou rosadas, muitas com a garganta do tubo em cor amarela.

A viréia é atraente principalmente para beija-flores.
Seu florescimento ocorre ao longo do ano, principalmente na primavera.

Pode ser cultivada nas regiões de temperaturas amenas do país.

Modo de Cultivo

Necessita de solo ácido  com bom  teor de matéria orgânica e bem drenado.

Rhododendron quadrasianum var. marivelesenseAs mudas comercializadas estão em torno de 1,20 m e poderão ser cultivadas em canteiros, sobre gramados ou em grandes vasos.

Utilizar para plantio uma mistura de composto orgânico, turfa e areia na mesma proporção, acrescentando 500 gramas de adubo de aves bem curtido.

Retirar a muda do recipiente com muito cuidado, suas raízes são sensíveis.

Colocar a mistura de substratos e adubos no fundo, acomodar o torrão e preencher as laterais com a mesma mistura.

O restante da terra que sobrou da abertura do buraco fazer uma pequena bacia ao redor da muda para captar melhor as águas de regas.

Regar bem durante alguns dias até a aclimatação da muda, que irá apresentar sinais de desenvolvimento.

Depois deixar o solo secar entre as regas.

Outras espécies do gênero: 

Rhododendron lochiae, de flores rosadas que atraem borboletas e com crescimento até 1,50 metros.

Vireya hybrid, também conhecida como vireia-da-malásia, de flores em vermelho-vivo, laranja, amarelas e brancas, intensamente perfumadas, que pode atingir cerca de 3,0 metros de altura.

Uso decorativo e paisagismo:

viréia

Vireya hibrida

 
A vireia está há pouco tempo em oferta nos viveiros e tende a ser grande atração para as regiões onde o cultivo da azaleia (Rhododendron simsii) é mais difícil pelas temperaturas mais altas.

Esta planta deve ser cultivada em áreas mais sombreadas, como junto a muros, edificações ou bordas de bosques.

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: TANAKA Juuyoh (田中十洋), Sandy__R, Sandy__R