Serissa (Serissa foetida)

Escrito por

Nome botânico: Serissa foetida (L.F.) Poir
Sin.: Leptodermis venosa Craib.

Nome popular: serissa , árvore-das-mil-estrelas

Angiospermae –  Família Rubiaceae

Origem: Sudeste da China, Índia, China e Japão

Serissa (Serissa foetida) – Descrição:

Planta arbustiva que perde parcialmente a folhagem no inverno, altura até 0,60 m, muito ramificado e de formato irregular.As folhas são pequenas, ovais verde escuras com borda creme.

As flores são bem pequenas simples ou dobradas na cor branca com sombra rosa, florescendo da primavera ao outono e exalam odor desagradável quando machucadas.

Floresce continuamente a partir da primavera até o outono e pode ser cultivada em todas as regiões do país, inclusive nas áreas de altitude  com temperaturas baixas, pois é tolerante ao frio.

 Como plantar a serissa

Serissa (Serissa foetida)-vaso

Serissa (Serissa foetida)

Este arbusto é de pequeno porte e seus ramos partem em todas as direções, mas o controle por poda ocasional, poderá dar um formato mais arredondado, especialmente se cultivado junto a muros.
Muitos usam esta poda para que pareça um pequeno bonsai.

Necessita de sol pela manhã, mas um pouco de sombra à tarde.

Falta de água em regas ou chuva poderá ocasionar a queda das folhas.

Pode ser colocada em canteiros com a cova preparada com adubo animal de gado ou aves bem curtido e composto orgânico de folhas, na proporção de 4:1.

No período que antecede à floração colocar adubo granulado NPK formulação 4-14-8, cerca de 100 gramas por muda, juntando ao substrato de cultivo ao redor da copa da planta, regando depois.

 Plantio em vaso

Também é possível seu cultivo em vaso, quando uma poda de formação poderá controlar melhor seus ramos, tendo sempre presente que podas perto do período do florescimento irão diminuir a quantidade de flores.

Usar o mesmo tipo de substrato recomendado para plantio em canteiro, podendo acrescentar uma parte de areia para facilitar a drenagem.

Serissa (Serissa foetida) –  Reprodução e mudas

Para fazer mudas do arbusto retirar estacas de ramos na época de crescimento da planta e enterrar em substrato leve e úmido, conservando em cultivo protegido até o enraizamento depois transplantar para canteiro ou vaso, usando o substrato já recomendado acima.

Uso decorativo e Paisagismo

serissa

Serissa foetida variegada

 

Excelente opção para jardins de qualquer porte, em cultivo em renques junto a muros ou em conjunto com outras plantas de folhas maiores, como os crótons (Codieum variegatum) e a gardênia (Gardenia jasminoides).