Plantas para Maciços no Jardim

Escrito por

Antes de começar a falar sobre plantas, vamos definir uma palavra. “Maciço”, segundo o dicionário, é aquilo que não é oco, mas que ocupa todo o volume aparente. Em paisagismo, o termo “maciço” é dado ao grande número de unidades de um tipo de planta só, seja de que tamanho e forma for. Saiba mais sobre maciços no jardim a seguir.

Um maciço de hemerocales é um espaço no jardim somente com esta planta. Não obrigatoriamente de mesma cor de flor, mas sem planta de outro gênero.

Quando o volume é preenchido com plantas diversas, árvores, arbustos e/ou herbáceas o nome dado em geral é conjunto – embora esteja correto dizer maciço de coníferas.

Maciços Formando Cercas-Vivas ou Cortinas

Algumas plantas são excelentes para preencher espaços, desde arbustos até herbáceas. Os arbustos plantados bem juntos de forma a cerrar um espaço aéreo, formando cercas-vivas.

Estes agrupamentos de mesma planta são chamados de cortinas, quando colocados para proteção visual ou formar um fundo para outras plantas mais atrativas.

nandina (Nandina domestica), a piracanta (Pyracantha), o pitosporo (Pittosporum tobira) e aesponjinha ou caliandra(Calliandra brevipes) são bons exemplos de cortinas. É como um um fundo de palco, onde o espetáculo está mais à frente.

Maciços nos Jardins Tropicais

Também podem formar maciços para jardins tropicais a helicônia (Heliconia) e as bananeiras (Musa paradisiaca). Como são plantas que emitem filhotes, o maciço fica intransponível depois de certo tempo.

Maciços com Herbáceas de Até Um Metro

lirio africano

Lírio africano

Mas algumas herbáceas de menor porte formam maciços de até 1,0 metros de altura em grandes extensões de canteiros, preenchendo vazios sobre gramados e conferindo identidade a uma área.

É o caso do agapanto ou lírio-africano (Agapanthus) com suas flores azuis ou brancas, em belas inflorescências globosas, dançando ao sabor do vento.

Outra herbácea de efeito espetacular é o hemerocale, também conhecido como lírio-de-um-dia (Hemerocallis sp.) para grandes canteiros junto a gramados.

Tem também uma grande vantagem, plantado em canteiros em áreas de declive não muito acentuado, ajuda a conter a erosão superficial devido aos seus rizomas fortes e por formar grandes touceiras.

Compondo Maciços com Plantas Rasteiras

escudo persa

Escudo persa

São também indicadas para maciços as plantas de menor porte ou rasteiras. Podem fazer parte de projetos de jardins sustentáveis em substituição do gramado.

Assim podemos ter maciços para locais ensolarados com verbenas (Verbena) ou a vinca-azul (Vinca major) e à meia sombra com o confete (Hypoestes phyllostachys) ou o escudo-persa (Strobilanthes dyerianus).

A folhagem destas duas últimas plantas é variegada e conferem grande beleza a pequenos recantos sem sol.

Jardim Grande ou Pequeno: Como Planejar a Composição dos Maciços

Jardins de grande porte necessitam ser ornamentados com maciços de conjunto de plantas, com o risco de parecerem vazios e sem vida.

Para jardins pequenos, os canteiros que margeiam passeios e junto a muros podem conter um grupo de plantas de mesmo gênero, muitas unidades que passarão a formar uma só pela cor das flores ou de mesma folhagem.

É preciso notar que é preciso o conhecimento sobre plantas, principalmente o tipo de cultivo, o local, a luminosidade e o tipo de substrato, para que este recanto seja um sucesso.

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: Tim Green aka atoach