Pata de Vaca (Bauhinia variegata)

Escrito por

Nome Técnico:  Bauhinia variegata L.
Nomes Populares: Pata-de-vaca, casco de vaca, unha de vaca
Família: Família Caesalpinoideae
Origem: Originária da China e Índia, muito cultivada no Brasil, principalmente no sudeste.

Descrição

Bauhinia Variegada

Árvore de característica semidecídua, isto é, não perde totalmente as folhas no inverno. Muito ramificada, pode atingir até 10,0 m de altura.

Floresce na metade do inverno até a metade da primavera.

Suas folhas são simples, levemente coriáces, parecendo bipartidas, dando a semelhança de uma pisada de bovino, daí seu nome popular.

Suas flores são vistosas, cor-de-rosa estriadas, com uma das pétalas com uma mancha em rosa avermelhado, reunidas em inflorescências na ponta dos ramos.

Modo de cultivo

 

Adaptada ao clima brasileiro, desde que receba sol, não tem problemas quanto à fertilidade do solo, mas este precisa ser bem drenado.

Tolera climas mais frios com geadas, mas desenvolve-se melhor em temperaturas mais amenas. Propagação por sementes.

Como fazer o Chá da folha da pata de vaca

Árvore muito ornamental, excelente para pequenos jardins e recantos, também pode servir na arborização de ruas e parques. Tem sido bastante utilizada na região do sudeste do país.

As folhas são para controle de glicemia, diuréticas, na forma de chás. A pata-de-vaca (Bauhinia forficata Hooke Gill) é utilizada para diversos fins medicinais.

Para o chá:

  • Lavar 1 folha, rasgar e colocar em recipiente de vidro ou louça.
  • Adicionar 1 xícara de água quente, mas não fervendo.
  • Cobrir com pires, deixar uns 5 minutos antes de ingerir.

 

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: Loren Sztajer, mauroguanandi, mauroguanandi