Horta em vasos ou jardineira

Escrito por

Preparo do solo nos vasos ou jardineiras

Adquira jardineiras de cimento, cerâmica ou de plástico. As de cimento e cerâmica necessitam ser impermeabilizadas com piche, sendo este encontrado em diversas marcas nas ferragens e casas de materiais de construção.

Passe com pincel velho, pois terá de descartá-lo depois. Deixe secar vários dias.

No fundo terá de colocar material que possa facilitar a drenagem de chuvas e regas. Poderá ser brita, cacos de tijolos ou vasos quebrados.

Se a jardineira for de cimento, isto aumentará seu peso. Poderá optar pela colocação de manta não-tecido, destas de filtro de coifas de fogão. Adquire-se nas mesmas lojas de materiais de construção.

Em cima da brita ou da manta, uma porção de areia que cubra todo o fundo da jardineira. É para facilitar a drenagem.

Em cima, coloque o substrato já preparado.

Substrato para horta em jardineiras

jardineiraMisture 5 partes de composto orgânico de folhas ou húmus de minhoca com 1 parte de adubo animal curtido, 1 parte de areia e 1 parte de cascas de pínus.

As cascas de pínus deverão ser do tamanho pequeno.

Deixar de molho em água por no mínimo 1 semana, trocando a água todos os dias. Os compostos fenólicos contidos na resina do pinus são tóxicos para as raízes, mas a água os dissolve.

terraEstas cascas servirão, assim como a areia, para tornar o substrato mais leve e poroso, garantindo a drenagem das águas.

Se não tiver interesse em fazer horta orgânica na sua forma mais radical, poderá ainda acrescentar adubo granulado NPK formulação 10-10-10, cerca de 100 gramas por jardineira de 1,0 m de comprimento.
Adquira este adubo com a adição de cálcio na formulação, o que dispensará a adição de cal apagada.

Mas uma atenção você deverá ter: não use este granulado com cal em suas plantas ornamentais, dos gêneros azaléias, buganvileas e gardênias, que são plantas que requerem substrato ácido.

 

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: net_efekt, suburbandollar