Ginura ou veludo-roxo (Gynura sarmentosa)

Escrito por

Nome botanico:  Gynura sarmentosa (Blume) D.C.

Nomes Populares : ginura, veludo-roxo

Família :  Família Asteraceae

Origem:  Filipinas

Descrição:

Planta herbácea perene de altura variável até 1,0 metro, mas quando em vaso atinge menor tamanho e fica pendente.

É bastante ramificada, com folhas verdes escuras com nervuras púrpuras e na página inferior totalmente púrpura com muitos pelos.

O efeito destas cores é muito interessante como ornamentação.

As flores são inflorescências em forma de capítulo na cor laranja e surgem no verão.

Pode ser cultivada em todo o país.

Ginura ou veludo-roxo (Gynura sarmentosa) – Modo de Cultivo :

Cultiva-se a ginura em canteiros preparados ou em vasos, ao sol ou à meia sombra.

Seu cultivo em interiores pode ser feito em ambientes bem iluminados.

Podemos também optar pelo cultivo temporário dentro de casa, levando para ripados de cultivo para recuperação.

Para canteiros o substrato para esta planta é uma mistura de adubo animal de curral bem curtido, cerca de 1 kg/m2, húmus de minhoca o quanto necessite e adubo granulado tipo NPK formulação 10-10-10, cerca de 200 g/m2, incorporando na terra do canteiro limpo de inços.

Retirar a muda do recipiente de cultivo, abrir um buraco do tamanho do torrão e colocar a muda.

Aconchegar a terra ao redor do torrão e apertar de leve.

Regar após o trabalho completo. Para cobertura vegetal de canteiros usar o espaçamento de 25 cm entre plantas em linhas desencontradas.

Para vasos, proteger a parte interna com tinta especial usada para impermeabilização que se adquire em lojas de material de construção.

Usar um pincel velho para descartar depois. Passe duas mãos e deixe secar pelo menos uma semana, para os solventes da tinta evaporar.

Forrar o fundo do vaso com cascalho e areia úmida.

Para diminuir o peso, pode optar por um pedaço de manta geotêxtil do tamanho do fundo do recipiente.

Colocar areia em cima e parte do substrato, semelhante ao que foi descrito par ao canteiro.

Se a planta se destinar a cultivo dentro de casa não colocar adubo animal, somente húmus de minhoca e adubo NPK bem misturados.

Acomodar a muda e preencher o restante com a mistura.

Deixar 1-2 cm sem substrato, para evitar que as regas sujem os móveis.

Apertar de leve e regar.

Propagação

A ginura enraiza facilmente nos entrenós que tocam o solo e será fácil cortar ramos para utilizar para preencher vazios na cobertura ou retirar mudas para vasos.

Usar o mesmo substrato recomendado para plantio e deixar em cultivo protegido até notar o início de seu desenvolvimento.

Ginura ou veludo-roxo – Paisagismo:

É uma planta interessante para canteiros à meia sombra, para maciços ao redor de árvores e vegetação bem alta.

Sua cor verde escura e púrpura fica bem combinada a folhagens claras, como a cinerária marítima (Senecio douglasii) .

ginura pendente