Alecrim (Rosmarinus officinalis)

Escrito por

Aprenda como plantar alecrim – na horta ou em vaso. É um dos temperos mais populares da gastronomia, muito utilizado em pratos de carnes, aves e até mesmo em drinks.

Dados botânicos do alecrim:

Nome Botânico: Rosmarinus officinalis Sin., Rosmarinus latifolius Miller., Rosmarinus chilensis Molina
Nomes Populares: alecrim-de-cheiro, alecrim-de-jardim, rosmarinho
Família: Angiospermae – Família Lamiaceae
Origem: Originária da zona do Mediterrâneo, Europa.

Descrição

Você sabia que a flor do alecrim é muitas vezes usada na produção do mel?

Planta perene sempre verde, de caráter subarbustivo lenhoso, bastante ramificado, que pode atingir até 2,50 de altura conforme a região de cultivo.

Os ramos flexíveis são de coloração acastanhada mais lenhosos entre as gemas. Suas folhas são simples,sem pecíolo, opostas, lineares, de consistência coriácea, verde mais claro na página inferior e muito aromáticas.

As flores são branco-azuladas, muito pequenas e também perfumadas, reunidas em inflorescência do tipo racemo axilares ou terminais.

Toda a planta emite um perfume forte e característico, picante e amargo, lembrando a cânfora.
As flores atraem abelhas e o cultivo desta planta é recomendado para produtores de mel.

Como Plantar o Alecrim

O alecrim pode ser plantado em vasos pequenos, mas pode crescer e ocupar vasos bem maiores

Cultiva-se o alecrim em climas temperados, em solos de boa fertilidade, soltos, permeáveis e de pH neutro.

Como é uma planta que não necessita de muita água, pode ser cultivada em regiões mais áridas e em locais pedregosos.

Pode ser usada no paisagismo com sucesso para compor jardins do tipo xerófitos, em bordas de barrancos como pendentes e em grandes vasos, sempre ao sol.

Plantio em Vasos ou Canteiros

Para canteiros ou vasos, prepara-se o solo adicionando composto orgânico de folhas ou húmus de minhoca, areia de construção e adubo animal curtido, misturando bem.

Plantar as mudas, tutorando com estacas de bambu. Regas regulares até observar que as mudas estão se desenvolvendo, depois espaçar para não encharcar o substrato.

Para os vasos, garantir a drenagem com pedrinhas ou manta, areia úmida e o substrato,colocando o torrão e completar com mais terra,apertando de leve para fixação da muda.

Para fazer a propagação basta colher estacas de ramos e enterrar em areia úmida até enraizar para depois levar para o vaso ou canteiro preparado. Não esquecer de cobrir as estacas com plástico para manter a umidade.

A melhor época para realizar esta tarefa é do outono até a primavera. Colher os ramos e secá-los para depois armazenar em vidros tampados para não perderem o perfume.

Uso Culinário e Medicinal do Alecrim

O alecrim é cultivado desde sempre pela humanidade. Suas folhas in natura ou secas são utilizadas para pratos de carnes e molhos, na cozinha do mundo inteiro. Combinados com outras plantas servem para temperos compostos apreciados por todos.

Têm propriedades estimulante e anti-séptica, seu óleo essencial é obtido das folhas e serve para tratamento de picadas de insetos, fígado, ligamentos, confecção de sabonetes, perfumes, colônias e para aromaterapia.

Para picadas de insetos basta passar folhas de alecrim esmagadas e para dores de gargante, chá de alecrim com pedacinhos de gengibre melhora a inflamação e o ardor nas gripes e resfriados.