Dracena (Dracaena deremensis)

Escrito por

Nome Técnico:Dracaena deremensis Engl.

Nomes Populares :Dracena

Família :Família Ruscaceae

Origem:África Tropical

Descrição:

dracaena-deremensis-folha-peqPlanta arbustiva perene de altura variável, podendo atingir cerca de 2,0 metros de altura ou mais.
Troncos cilíndricos e lenhosos, com marcas da inserção das folhas de cor esbranquiçada.

Folhas grandes, verdes acinzentadas com listras longitudinais em creme ou verde mais claro, dispostas em espiral nos caules.
As flores são brancas, pequenas dispostas em inflorescência eretas, mas não tem periodicidade e nem importância ornamental.

A planta pode ser cultivada em todo o país.

Modo de cultivo :

O local de cultivo deve ser à meia sombra ou lugares iluminados pela reflexão da luz do sol mas não ao sol, o que ocasiona manchas de queimaduras na folhagem.

Pode ser cultivada em canteiros ao longo de muros ou em vasos, inclusive em interiores com boa iluminação proveniente de lâmpadas ou luz natural junto a janelas.

dracaena-deremensisPara o plantio em canteiros, abrir um buraco maior que o torrão.

No fundo do buraco, soltar um pouco a terra e adicionar adubo animal de curral bem curtido cerca de 1 kg/cova ou cama de galinheiro a metade desta quantia.

Colocar composto orgânico e misturar bem.

Retirar a muda do saco ou balde plástico com cuidado, verificando se as raízes não estão enroladas ao redor do torrão.
Caso isto aconteça poderá desenrolar com cuidado ao plantar.

Colocar no buraco e completar com composto orgânico, apertando a muda para não tombar.

Se a muda tiver tamanho maior que 0,80 metros, colocar um tutor temporário, amarrando de leve com cordão de algodão em forma de oito para não estrangular o caule. Regar a seguir.

Para plantar a dracena em vasos, proteger as paredes e fundos do vaso com pixe e deixar secar bem vários dias.
Colocar brita e areia úmida no fundo para a drenagem das águas.
Pode substituir por geomanta., que é mais leve.
Use recipientes de boa profundidade, pois a dracena tem raiz longa.
Colocar mistura de adubo animal de curral bem curtido com areia e composto orgânico em partes iguais.

Se a muda tiver destino de cultivo em interiores, substitua o adubo animal por granulado NPK formulação 10-10-10, cerca de 100 gramas por vaso.
Plantar a muda e regar.
Realizar regas periódicas mas não deixar a terra encharcada demais.

Propagação:

Para fazer mudas da dracena pode utilizar estacas dos ramos.
Quando a planta fica muito entouceirada, retirar os ramos de dentro ou do fundo para não prejudicar o visual e utilizá-los para mudas.
Pode retirar parte das folhas inferiores, limpando para poder enterrar.

Colocar em recipiente com areia úmida. As raízes logo surgirão.

Pode também ser propagada em água, mas devido ao problema de proliferação de mosquitos, preferimos indicar a areia.
Também pode ser casca de arroz carbonizada, conforme a região é fácil obter.
As sementes também podem servir para propagação, mas por estaquia é mais rápido.

Paisagismo:

dracena-pilea

São plantas de meia sombra, que podem ser utilizadas em interiores bem iluminados por lâmapadas ou luz natural.

São tolerantes ao frio e não manifestam sensibilidade a interiores com ar condicionado.