Como Projetar um Jardim Natural

Escrito por

Você pode ter um jardim simplesmente com a sua cara. Jardins naturais são aqueles que vão acontecendo aos poucos, conforme a mão do dono, conforme as plantas nativas ao local.

Conforme sua cara e personalidade. Simplesmente acontecendo.

Mas Qual a Cara de seu Jardim?

Os jardins são locais onde podemos criar o efeito que desejarmos. Desde jardins temáticos, como os de estilo europeu, japonês e tropical até jardins mais simples, com o jeito do proprietário e seu modo de viver e encarar o mundo.
Atualmente está em alta os jardins mais naturais, sem formas rígidas, como se crescesse espontâneo.

Neste caso, sempre se recomenda a introdução no projeto de plantas nativas da região, pois são mais resistentes e estão adaptadas ao clima do local. Isto não quer dizer que deverão ser evitadas as plantas exóticas adaptadas, o que poderia restringir o efeito desejado.

O conceito natural provém da harmonia, coerência e agradável ambiência que proporciona, só para citar algumas qualidades.

O Ideal é Fazer uma Planta do Projeto do Jardim

jardim naturalQuando o cliente se interessa por este tipo de jardim, a melhor forma de realizar o projeto é usar a plana baixa do terreno, com as informações sobre edificações.

O primeiro passo é a anotação da insolação, áreas de sombra parcial pela tarde e lugares onde não há sol. Dividir o terreno em três áreas, privativa, intermediária e outros espaços.

Estas três áreas são mescladas entre si, pois uma fluirá para dentro da outra de forma harmoniosa, mas o propósito de cada uma deve ser bem delineado.

Conceito da Área Privativa ou Social do Jardim

Na área privativa, poderá haver por exemplo, área de churrasqueira, áreas de sombras com árvores ornamentais como a aleluia (Cassia macranthera), frutíferas (Laranjeiras, limoeiros), palmeiras como o jerivá (Syagrus romanzoffiana) ou o coqueiro-anão (Coccus nucifera var.Nana).

Pergolados com trepadeiras fornecerão um espaço para mesas e cadeiras para encontros familiares. Conforme o tipo de residência poderá haver piscina e área de jogos para crianças.
Muros podem receber arbustos altos para aumentar a privacidade como o podocarpo (Podocarpus salignus), a nandina (Nandina domestica) ou o hibisco (Hibiscus rosa sinensis).

Podemos providenciar um local para uma pequena horta, com hortaliças e plantas aromáticas para chás e condimentos, em canteiros ou vasos. Área gramada e pouco piso impermeável dão maior naturalidade aos espaços.

Alguns arbustos floridos da preferência do cliente fornecerão a cor. Planejar épocas diferentes de florações, para propiciar maior interesse. É uma área para convívio familiar e com amigos.

Local dinâmico, pois quando as crianças crescerem será possível retirar os brinquedos e modificar o espaço para outro tipo de jardim que atenda às necessidades da família.

Projeto da Área de Entrada do Jardim

portão flores arbustoNa área intermediária, que em geral é na frente da edificação, colocaremos toda a imaginação, pois textura e cor de folhagens, flores, recipientes chamativos, pavimentos elegantes, tudo é possível.

Planejar as plantas será muito interessante, pois poderemos decidir se será um espaço com alta ou pouca manutenção de jardinagem. Esta área muitas vezes é bem pequena, para terrenos urbanos a média é de 44 m2 (11,0 m x 4,00 m), mas representa a identidade do local.
Plantio planejado de árvores, arbustos, herbáceas, canteiros, gramado, tudo é possível.

A insolação, os ventos e o clima de cada região é que determinarão os diversos tipos de plantas a colocar. Pode ser um jardim colorido ou mais verde com detalhes de cor.

A alternância de estações poderá ser muito interessante se os arbustos colocados tiverem florações em épocas diferentes. A atração de pássaros, borboletas e abelhas poderá ser também planejada, tornando o jardim dinâmico.
E nada mais natural que um jardim onde há muita vida circulando.

Área de Passagem do Jardim

jardim sofá mesaA terceira área é considera área de passagem, como a lateral da casa, canteiros fora dos muros, sacadas e terraços. Plantas colunares que não invadam o passeio, jardins verticais nos muros internos, herbáceas de folhagem atrativa ou floríferas nos canteiros.
Nos terraços e sacadas a decoração em recipientes será a atração e com certeza encantará a todos.

Não é de forma a admirar que os jardins mais naturais estejam atraindo pessoas cada vez mais, pois são repletos de recantos agradáveis, onde poderão relaxar, curtir a vida em família, meditar e sentir-se bem.