Como Atrair Pássaros para seu Jardim

Escrito por

Pássaros visitando seu jardim? Sente-se e aprecie – é uma dádiva. Também é sinal que seu jardim tem o apelo do alimento disponível. Conheça árvores, palmeiras, arbustos e herbáceas que atraem pássaros, oferecendo flores com néctar, frutos e sementes são ótima dica para incrementar o jardim.

Plantas que Atraem Naturalmente os Pássaros

sabia

Sabiá

Na área rural os pássaros são frequentes, mas nas cidades está cada vez mais difícil apreciá-los. Em meio urbano encontramos o pardal, a rolinha, o sabiá e o joão-de-barro.

Conforme o tipo de planta, temos também periquitos e caturritas, atraídos por frutos de palmeiras e pinhas de coníferas.

Em regiões do Sudeste, Centro Oeste e Nordeste há também outros pássaros mais adaptados a climas quentes e outros tipos de alimentos.

Plantas para Aves que se Alimentam de Néctar

Existem pássaros presentes no meio urbano que se alimentam de néctar, tais como cambacicas e beija-flores.

Plantas do tipo camarão- vermelho (Justicia brandejeana), camarão-amarelo (Pachistachis lutea) e hibisco (Hibiscus rosa sinensis) fornecem flores ao longo de todo o ano e são visitados a toda hora por estes pássaros.

Frutos e Coquinhos de Palmeiras

Frutos de palmeiras como buriti, seafórtia, butiazeiro e jerivás fornecem os coquinhos. Eles são disputados por muitos pássaros.

Como são plantas que participam da arborização urbana, podemos ter em ruas, praças e jardins uma fonte de comida para eles.

Árvores e Arbustos de Frutos Nativos que Fazem Sucesso Entre os Pássaros

Outros frutos apreciados são os de árvores nativas, como pitangueiras, cerejeira-do-rio-grande, goiabeiras e muitas outras.

Alguns arbustos fornecem pequenos frutos, como o cipó-suci (Cissus verticilata) que atrai bem-te-vis e sabiás numa disputa acalorada pelos frutinhos negros no final do inverno.

O Alimento Certo para as Diferentes Espécies de Pássaros

Atrair pássaros com plantas que produzem alimento é um excelente passo para propiciar a melhoria do ambiente urbano. Alguns pássaros comem também insetos, muitos deles daninhos para nossas plantas ornamentais ou de horta.

Temos, então, pássaros que se alimentam de néctar chamados de pássaros nectaríferos. Os que comem frutos/sementes são os frutívoros, os comedores de insetos são os insetívoros e os que comem folhas e flores, fitófagos.

Alguns têm uma dieta variada, como o sabiá, o cambaxirra ou o coruíra, que comem minhocas, insetos e frutinhos e o pardal que come de tudo, daí talvez a explicação de porque este é comum na maioria dos países.

Dicas para Comedouros e Bebedouros para Pássaros

Para os pássaros que comem grãos é mais complicado, pois sementes espalhadas no chão ou em comedouros tendem a atrair pombas e ratos. Ambos indesejáveis. As do tipo casinha, teladas, evitam que as sementes caiam no chão.

É possível fazer comedouros de sementes fazendo uma estrutura de madeira e colocando uma garrafa PET com um corte tipo janela. Coloque sementes adquiridas em lojas que vendem alimento para pássaros. Pendure por fio de nylon ou arame.

Comedouros tipo plataforma são muitos usados em países do Hemisfério Norte e você também poderá fazer, com tábuas e suportes, prendendo em árvores ou paredes.

Evite colocar muitas sementes, que poderão cair no piso, atraindo pombas e pardais que preferem comer no chão. Verifique o horário que os pássaros surgem para alimentar-se e depois retire o excesso (poderá semear se forem viáveis).

cambacica

Cambacica

Para os beija-flores, a mistura de alimento pode ser de fabricação caseira ou comprado em lojas agropecuárias ou para pets. Muitos conhecem aqueles recipientes de plástico que imitam flores. A mistura comercial vem com os elementos balanceados para nutrição das aves.

Para o caseiro, leve para ferver quatro partes de água e uma de açúcar. Deixe esfriar e guarde em recipiente de vidro na geladeira.

O recipiente deve ser lavado todos os dias e o líquido reposto, evitando desenvolvimento de fungos e bactérias. Estes patógenos poderão estar no bico das aves, contaminando a mistura.

Observação: no fio que sustenta o recipiente de alimentação dos beija-flores coloque um pequeno cone feito de acetato virado para baixo, colado com cola quente.

Evita que as formigas apareçam para roubar o alimento, trazendo doenças e atacando as aves. Este acetato poderá ser de embalagens como a que vem com doces ou feito de pedaço de garrafa PET.

Como Plantar um Canteiro com Gramíneas para os Pássaros Comerem

beija-florPara quem tem espaço, poderá destinar um canteiro ou jardineira para cultivar gramíneas que possam servir de alimento para as aves. Entre elas painço (Setaria itálica), aveia (Avena sativa), alpiste (Phalaris canariensis) e milheto (Pennisetum glaucum).

Pode ser adquirido em agropecuárias como alimento para aves. Não compre os destinados a plantio, que poderão estar protegidos com defensivos. Conserve o furo de drenagem do recipiente protegido com pedrinhas e geomanta.

Coloque a mistura de composto orgânico, húmus de minhoca e areia, na proporção de 3:1:1. Alise a superfície e semeie, cultivo solteiro ou tudo junto. Cubra com areia seca e regue. Em poucos dias notará a emergência das folhas.

Talvez seu gato ou cão aprecie comer as folhas, então será bom fazer uma jardineira para eles e deixar outra mais alta fora de seu alcance.

E um lembrete de sustentabilidade: pássaros se espantam com barulhos repentinos. A máquina de cortar grama elétrica e o soprador conseguem espantar os pássaros não acostumados.

No entanto, sabiás podem ser atraídos, pois sabem que terão a oportunidade de caçar bichinhos e minhocas entre as partes da grama mais curta.

Quando estiver com tudo arrumado e com as plantas e sementes disponíveis, instale um banco a boa distância de onde poderá apreciar a visita dos pássaros. Irá se surpreender quando alguns dos que aparecerem não são frequentes em meio urbano.
Tire fotos, se encante. Estará contribuindo de forma modesta, mas positiva, para o meio ambiente.