Cercas de Horta e Lavoura ou Cordões de Contorno

Escrito por

Cercas são essenciais para demarcar áreas – tanto de propriedades inteiras quanto dentro delas, em especial de plantações. Saiba mais a seguir.

As divisas de uma propriedade urbana na grande maioria têm cercas de alvenaria ou grades de ferro batido. Propriedades rurais, sítios de pequena produção familiar, grandes lavouras, precisam também de estabelecimento de seus limites.

As cercas cumprem este papel, separando a propriedade dos vizinhos lindeiros.

Materiais Mais Comuns para Cercas Internas das Áreas de Cultivo

cerca madeira arameO material usado é um tanto limitado. Poderá ser de tela, encontrada em vários tipos – desde a conhecida como tela de galinheiro até a soldada, usada em campos de futebol e empresas.

As cercas de arame farpado servem para delimitar espaços internos da propriedade, como potreiros e campos onde haja pastagem.

Divisas internas em pequenas produções agrícolas podem ser feitas de tela ou com tábuas. Pode haver aproveitamento de material oriundo de demolições.

A horta doméstica também pode usar os mesmos materiais. O bambu, apesar de não tão durável, mas que pode ser cultivado na propriedade para este fim.
São chamadas de cordões de contorno e são basicamente a mesma cerca que pode proteger porções de terreno dentro de uma propriedade para separar cultivos, mas que têm outras utilidades.

Diferentes Utilidades dos Cordões de Contorno

Quebra ventos

Protege os cultivos de ventos que têm potencial destruidor.

Evita assim rasgar folhagens, queda de flores e frutos, dificultar a polinização, aumentar o consumo hídrico por aumentar a evaporação da água de regas e chuva, etc.

Organiza as diferentes áreas de cultivos diferenciados

Como lavoura de milho, forrageiras, hortaliças e fruticultura.

Proteção das hortaliças contra entrada de animais

cerca madeira hortaQuando em lavouras de pequena propriedade com pouco espaço para os animais e aves, os cordões podem propiciar as barreiras necessárias para que as aves criadas soltas não entrem onde estão sendo cultivadas alfaces, por exemplo.

Neste caso, as cercas de arame somente servem para animais grandes, como o gado, mas porcos, cabras e aves domésticas não são impedidas de entrar, necessitando então de uma cerca bem fechada e com portões de acesso.

Podem ser confeccionadas com tela, bambu ou tábuas. O chão junto da cerca deve ter algum tipo de barreira, podendo ser de pedras, telhas, garrafas plásticas cheias de terra e semienterradas.
Afinal, animais são capazes de cavar por baixo da cerca uma entrada para as hortaliças que desejam e estão do outro lado.

Aproveitamento das Cercas como Suporte de Outros Cultivos

Apenas uma cerca sem nada não é aconselhável, devemos aproveitar todo o espaço possível para cultivo.

Aconselhamos a plantar feijões-vagem, pepinos, abóboras, maxixes, bucha, tomateiros, ervilhas e maracujás, entre outros cultivos. Assim além da utilidade como barreira, teremos o benefício de aumentar a produção na propriedade.

Uma boa ideia é aproveitar porções de cercas para cultivar algum tipo de trepadeira ornamental que atraia abelhas e outros insetos polinizadores. Beneficiará a produção de frutíferas.

cerca verdeCercas de contorno em laranjais e outros citros, podem ter o cultivo de amor-agarradinho (Antigonon leptopus). Por exemplo, que atrai abelhas de longe e poderão beneficiar a polinização das flores, aumentando a produção de frutos.

Um cuidado com o tipo de planta que será colocada nas cercas é importante. No caso de criação de caprinos, os animais tendem a comer o que está ao alcance.
Uma solução é fazer uma segunda cerca paralela, separada 1,0 m uma da outra, assim se desejar cultivar hortaliças ou mesmo trepadeiras ornamentais os animais não terão acesso.
Evitar, no entanto, plantas tóxicas e venenosas, pois se houver ramos que ultrapassem o espaço entre as cercas estes ficarão ao alcance para consumo.

Para as aves selvagens, no entanto, não há como impedir sua visita ao espaço protegido, pois serão atraídas pelas tenras folhas, frutos e até por insetos que por ali circulem.
Para os pássaros que se alimentam de hortaliças podemos usar algumas defesas repelentes, sem que nem a saúde nem a integridade física deles seja prejudicada.

Existem diferentes maneiras para manter os pássaros afastados das hortas de forma a manter a produção sem grandes prejuízos.